Para presentear vocês, leitores do blog do ville Imob decidimos criar um artigo onde discutimos as principais tendências para o mercado imobiliário em 2019. Com estas informações ficará muito mais fácil planejar o próximo ano. Portanto se você quer ver as suas metas serem alcançadas em 2019, não deixe de ler este artigo.

1. Cenário econômico mais positivo

O país passou e, de certa forma ainda passa, por um momento de crise econômica. A taxa e desemprego está alta e as taxas de juros, inflação e outros indicadores econômicos não mostravam um futuro muito promissor. No entanto, há alguns meses o cenário começa a ficar um pouco mais positivo e a expectativa é que ele melhore ainda mais.

Claro, a manutenção deste momento positivo e de melhora econômica dependerá muito das ações tomadas pelo novo governo em 2019. De acordo com vários economistas, espera-se que empresários e investidores deem um voto de confiança ao novo governante. Pelo menos durante o primeiro semestre. Ou seja, podemos esperar pelo menos um semestre do próximo ano com uma economia em crescimento.

2. Menor incerteza

Anos eleitorais são caracterizados por um momento de grande instabilidade econômica. Todos nós podemos perceber grandes variações do valor de moedas internacionais, como o dólar. Além disso todo o mercado passa por um momento de grande especulação.

Tendências para o mercado imobiliário em 2019 duvida

Esse tipo de comportamento tira a confiança das pessoas e as impede de realizar grandes compras. Isso porque fica difícil decidir na compra de uma casa sem saber como serão, pelo menos, os próximos quatro anos.

Este comportamento, que tem se tornado padrão, dificilmente mudará em 2022. Mas, pelo menos para os anos de 2019 e 2020, podemos esperar uma população mais confiante no cenário econômico. O que permite que financiamentos e grandes aquisições sejam feitas.

Um fator que contribui para a confiança é a expectativa de uma inflação sob controle. A expectativa é que a mesma continue na faixa dos 4% anuais. Este cenário é ótimo também para construtoras que podem investir em novos empreendimentos com mais confiança.

Para se ter uma ideia da queda do setor da construção civil nos últimos anos, houve uma redução de 1,6 milhões dos empregados entre 2014 e 2017.

Não se espera a criação dos mesmos 1,6 milhões de empregos na construção civil para 2019. Afinal de contas várias dessas pessoas estavam empregadas em obras que visavam o desenvolvimento de infraestrutura para a copa e os jogos olímpicos. Mas espera-se uma leve recuperação e um aumento neste número.

3. Mudanças no Minha Casa Minha Vida

O programa foi criado pelo governo em 2009 e que sofreu alterações significativas em 2016. Na época houve a alteração e adição de novas faixas. O que permitiu que famílias com rendas superiores também adquirissem imóveis.

Tendências para o mercado imobiliário em 2019 casa

Mas, como já apontamos, a situação econômica nos últimos anos pode ter limitado aquisições de novos imóveis pelo programa. Com o reaquecimento do setor espera-se que as famílias que são atendidas pelo programa e desejam comprar a casa própria aproveitem as regras instituídas ainda em 2017. Quando o limite mensal da renda passou de R$ 6.500 para R$ 9.000.

Também existe a expectativa de mudanças no orçamento destinado à faixa 1,5 e 2 do programa. Estas alterações podem facilitar que as famílias que ganham até R$ 4.000 mensais possam comprar um imóvel. Vale lembrar que aquisições na faixa 1,5 foram congeladas pela CAIXA em novembro e devem voltar logo no começo de janeiro.

4. Segmento de alto padrão segue uma incógnita

Os imóveis de luxo não mostram a mesma resistência à crise que imóveis de baixo custo tem apresentado. O segmento de alto padrão vem apresentando quedas enquanto a taxa de vendas de imóveis pelo Minha Casa Minha Vida apresenta variações positivas.

Tendências para o mercado imobiliário em 2019 luxo

Este comportamento levou, inclusive, grandes imobiliárias a apostarem em imóveis de baixo custo para se manter no mercado. Imóveis de alto padrão também tem sofrido com altas taxas de devolução (também conhecidos como distratos).

Para se ter uma noção, no mês de novembro a Abrainc divulgou os indicadores dos últimos 12 meses. Neste relatório pode-se ver que embora o segmento de médio e alto padrão tenha apresentado um aumento, quando comparado aos últimos 12 meses, ainda sofre com uma taxa de distratos duas vezes maior que imóveis do Minha Casa Minha Vida.

Claro, isto não significa que você deve ignorar imóveis de médio e alto padrão. Ter uma carteira de imóveis diversificada é, em geral, uma estratégia mais sólida. Mas, se tiver que priorizar um segmento, lembre-se que imóveis de baixo custo vem apresentando constantemente uma maior resistência à potenciais crises.

5. Foco na tecnologia

Se existe uma coisa que nunca vai mudar é que o ano seguinte sempre terá novas tecnologias aparecendo no mercado. Além disso, tecnologias existentes serão adotadas cada vez com mais frequência pelas imobiliárias.

Tendências para o mercado imobiliário em 2019 tecnologia

Para o ano que vem esperamos ver as tecnologias, já não tão novas, entrando com cada vez mais força no ramo. Com foco na fotografia imobiliária, a expectativa é que tecnologias como fotos e vídeos aéreos através de drones estejam cada vez mais presentes.

Outra tecnologia fotográfica que deve se popularizar é a fotografia em 360 graus, aliada com a realidade virtual. De fato, o principal motivo pelo qual fotos 360 ainda não são tão populares não é a tecnologia fotográfica mas sim a maneira de visualizar as mesmas.

No começo e, até hoje, a forma mais comum de visualizar essas fotos era através de movimentos do mouse ou arrastos na tela do smartphone. Mas como a utilização de recursos como óculos virtuais estão cada vez mais populares. Espera-se que fotos e até mesmo vídeos em 3D comecem a aparecer cada vez mais. Não só no ramo imobiliário, mas em diversos ramos do setor comercial e industrial.

Tecnologias básicas como sistemas imobiliários e sites próprios já é o que se espera de tanto um corretor quanto de uma imobiliária. Por isso, não deixe para 2019, para nós o natal é o ano inteiro e sempre oferecemos o teste grátis do ville Imob. Comece hoje mesmo e veja, na prática, as vantagens da utilização de uma plataforma imobiliária totalmente integrada.