Tirando o mercado de imóveis de alto padrão, o setor imobiliário não anda tão aquecido com há três anos. Para se ter uma ideia, o financiamento de imóveis registrou queda de 33% em 2015, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). Mais do que isso, o estudo do FipeZap aponta para uma valorização tímida de 1,32% no preço dos imóveis, índice abaixo da inflação.

Nesse cenário de incertezas, imobiliárias e corretores começam a enxugar custos e reduzir investimentos. No entanto, medidas muito drásticas podem ser um verdadeiro tiro no pé. Levantamento elaborado pela Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), em conjunto com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), mostra que havia 111.331 unidades à venda em todo Brasil no fim de fevereiro deste ano. Em três meses, foram comercializadas mais de 20 mil do total.

Isso significa que há, mesmo que morno, um movimento no mercado de pessoas interessadas em comprar ou alugar imóveis. Em outras palavras, o corretor de imóveis tem uma demanda para atender, não tão grande quanto outrora, mas tem. E para conseguir atrair e captar clientes, a melhor maneira é investindo em marketing imobiliário. Entenda, abaixo, melhor o porquê:

Custo baixo

Aproveite a internet para fazer seu marketing imobiliário. Se sua intenção é anunciar seus produtos e alcançar potenciais clientes, você consegue, com um baixo investimento, atingir milhares de pessoas no Facebook Ads e no Google AdWords, por exemplo. Nessas ferramentas de mídia paga, é possível segmentar o público que você pretende conversar conforme região, idade, sexo e por aí vai. Tudo por um preço que cabe no bolso e é muito, mas muito, mais barato do que a mídia tradicional.

Isso sem falar que construir um blog é gratuito. Nele, ao invés de transformá-lo em um outdoor online com anúncios de imóveis, aproveite para passar credibilidade aos usuários. Escreva sobre o mercado imobiliário de um modo geral e dê dicas a outros corretores. Isso vai fazer com que você se apresente como uma autoridade no assunto.

Tudo é mensurável

Usando ferramentas online para fazer suas ações de marketing, fica muito mais fácil medir os resultados de cada etapa, desde o prospect, a captação de lead até o fechamento de um negócio. Assim, é possível saber para onde foi cada centavo investido.

Quer um exemplo? Então, se você aplicou 20 reais em um anúncio no Facebook, cujo objetivo era alcançar pessoas interessadas em comprar um imóvel de um dormitório, e conseguiu cadastrar o e-mail de 40 usuários, isso significa que cada real investido trouxeram 2 contatos. Mesmo que a maioria ignore seu e-mail depois, você já conseguiu construir uma boa base de potenciais clientes com uma única ação de baixo investimento.

imob-v30-728x90-post

Todas ações em um único lugar

Como há muitas ações para se colocar em prática, facilite sua vida utilizando uma plataforma completa como ville imob. Assim, você reúne e administra todas as suas atividades imobiliárias em um espaço: Site Imobiliário, Software de Gestão, Versão Mobile, CRM Imobiliário, Sistema de Chat , Integração Social e Integração com Portais.

A crise não é eterna, um dia ela passa e, após esse período turbulento, novos profissionais vão entrar e voltar ao mercado imobiliário. Quando esse dia chegar, você já vai estar bem à frente dos seus concorrentes, isto é, com um número considerável de contatos e potenciais clientes. Em resumo, invista em marketing imobiliário o quanto antes!

Posts relacionados