O marketing digital para imobiliárias é uma das mais poderosas ferramentas para alcançar mais clientes e, consequentemente, mais vendas. No entanto, há muito o que debater sobre o assunto, visto que podem ser feitas diversas ações a partir do ambiente digital. Mas, como de fato você pode (e deve) usar o marketing digital a seu favor? É o que vamos entende agora. Acompanhe o texto.

Marketing digital para imobiliárias

Não é só na área imobiliária que o marketing digital está presente. Você poderá encontrá-lo em qualquer lugar. Na verdade, tudo que é pensado com o propósito de gerar algum tipo de receita através da internet se enquadra neste critério. Pois para vender, é preciso de marketing. E se for na internet, é digital.

Hoje em dia é muito comum encontrar empresas focadas cem por cento do tempo em atrair novos usuários da internet. Mas nem todas elas conseguem fazer isso de uma forma que seja coerente. Pois somente pelo fato de ter um produto e anunciar, não significa que isso é marketing digital. O conceito é muito mais amplo e complexo.

Para que você possa entender de forma breve do que se trata, criamos um tópico para falar sobre o que de fato é marketing. Para, somente depois, utilizar os 5 recursos mais importantes que podemos fazer e extrair dele.

Marketing digital para imobiliárias

O que é marketing?

Se o marketing digital para imobiliárias são todas as ações que acontecem na internet, por assim dizer, podemos entender que o marketing de forma geral acontece no ambiente offline? Não podemos. Esta distinção de conceitos não pode ocorrer simplesmente pelo fato de que não existem divisões de tipos de marketing.

O marketing é uma ferramenta ampla. Basicamente, ele é responsável por fazer uma empresa vender mais. E além de todas as outras ações possíveis, existe a esfera digital. Ou seja, tudo é marketing. Não divisões. Mas há diferenças e formas de abordar.

Em um plano de marketing bem estruturado, poderemos encontrar informações de todos os tipos relacionadas ao produto e a empresa. No caso, imobiliárias. A partir disso, poderemos direcionar as ações que mais fazem sentido para atingir os objetivos de faturamento ou captação de clientes esperados.

Dentro do marketing, você poderá encontrar todos os ativos necessários para construir valor. E por isso, o conceito dos 4 P’s é básico. Estes 4 P’s, são: Produto, Preço, Praça, Promoção. Com estes quatro componentes bem definidos, fica fácil de decidir o que fazer e o que não fazer no marketing, as informações estarão completamente alinhadas.

Por exemplo, no P de Produto, precisaremos saber do que se trata o produto, como ele é o que ele oferece. Dentro do P de Preço, precisaremos fazer um estudo do preço, com informações de concorrência, pesquisa de mercado, etc.

Já no P de Praça, deveremos estudar o público-alvo para o produto e para o preço, identificado as melhores praças para vender. E no P de Promoção, criaremos campanhas reunindo todas as informações anteriores para abordar as pessoas certas, no lugar certo e do jeito certo.

E tudo isso pode acontecer perfeitamente na esfera digital também. Acompanhe.

Marketing digital para imobiliárias

O marketing na esfera digital

Com o passar do tempo, uma nova expressão foi cunhada: o marketing digital. Quando não havia internet, esta expressão sequer chegava perto de existir. E muita gente acaba se confundindo achando que o que acontece por aqui, é completamente diferente do que deve acontecer fora daqui. E não é. Marketing é marketing. Online ou offline.

A única coisa que vai mudar e é preciso mudar, são as abordagens e as formas de comunicar. Pois o público que está na internet não se comporta da mesma forma que o público que está lendo um jornal ou assistindo televisão. É preciso, sim, adaptar cada ação para o digital. Mas jamais separar uma coisa da outra.

Para que fique mais claro, vamos imaginar que a sua imobiliária esteja promovendo um imóvel em anúncios de televisão e revista. Este mesmo anúncio de televisão, não pode ser o mesmo na internet, pois o público é outro. Precisam haver outras abordagens. Mas a campanha e a identidade visual, sim, precisam ser iguais.

E o anúncio de revista não pode simplesmente ser usado no Facebook, por exemplo. A quantidade de informações em um anúncio de revista é completamente diferente do que precisa-se em um anúncio de rede social e, obviamente, a abordagem é outra. Mas a campanha precisa ser a mesma. Ou seja, mesmos objetivos (marketing), ações e abordagens diferentes (ambientes).

Veja como o marketing digital para imobiliárias poderá ajudar e entenda os 5 recursos que você pode esperar de uma boa presença online.

Marketing digital para imobiliárias

1- Marketing de conteúdo

O primeiro recurso que pode (e deve) ser explorado do ambiente digital, é o marketing de conteúdo. Esta é uma das mais eficazes formas de gerar tráfego qualificado e trazer pessoas que tenham real interesse no seu produto. Um bom conteúdo é rei. Pois ele educará a pessoa e ela sentirá gratidão, o que é um ótimo gatilho para usarmos no futuro.

Para que fique mais fácil o entendimento, vamos falar um pouco sobre o marketing de conteúdo. Este é um recurso que, ao contrário do que muita gente pensa, já existia muito antes da internet. Um dos maiores produtores de conteúdo e mais conhecidos mundialmente, é o bom e velho jornal impresso. E, consequentemente, as pessoas consumirão os anúncios dentro dele.

E a internet chegou como uma ferramenta para digitalizar tudo isso. E com a grande ajuda dos buscadores, é possível desenvolver conteúdos que somente pessoas com interesse encontrem. Por exemplo, alguém que esteja buscando por “melhores bairros de SP” no Google, não está interessada nos “melhores bairros do RJ”. Isso quer dizer que há um grande interesse expostos nesta pesquisa.

E como a sua imobiliária pode aproveitar isso? Com o marketing de conteúdo e a construção de um blog no seu site imobiliário. A partir do momento que você produzir um conteúdo com este tema de exemplo, “melhores bairros de SP”, o Google posicionará o conteúdo e as pessoas o encontrarão. Logo, você está usando o marketing de conteúdo a seu favor.

E depois que você conseguir atrair um tráfego de alta qualidade, um leque de oportunidades se abrem. Pois o processo de transformar estes usuários em dinheiro está apenas começando. Vamos explicar mais adiante. Acompanhe.

Marketing digital para imobiliárias

2- Captação de leads para transformar em clientes

Depois que você já começou a produzir conteúdo de qualidade e está ajudando os seus leitores potenciais clientes, está na hora de começar a captar leads. Mas, como assim captar leads? O que é um lead? Não há segredo nem explicações complexas: um lead nada mais é do que um usuário qualificado que você conseguiu captar através de algum conteúdo.

Esta é uma das formas mais eficientes de solidificar qualquer ação ou campanha digital, pois o que mais importa não é a quantidade de pessoas que você alcanças. Mas sim, a qualidade. Pense comigo: do que adianta fazer com que mais de 10 milhões de pessoas vejam um anúncio ou um artigo se, destas 10 milhões, apenas 50 vão ter real interesse no que você tem a dizer?

Por isso, não foque em quantidade nem em números. Foque em qualidade. E para isso, nada melhor do que atrair somente pessoas que já estejam com algum mínimo interesse em fazer uma possível compra futura na sua imobiliária.

O conteúdo ajuda e muito neste aspecto. Seja ele em texto ou em vídeo, você verá que as pessoas começarão a chegar. E se você simplesmente só observar elas chegarem e não tomar nenhum tipo de decisão com relação a isso, estará perdendo vendas.

Por isso, capte o contato destes usuários de alguma forma. Peça o e-mail, peça o número de celular, não importa. O importante é ter o contato de quem você sabe que tem afinidade com o assunto. E, a partir do momento que você estruturar um relacionamento (veremos a seguir), as chances de gerar vendas aumentam e muito.

Marketing digital para imobiliárias

3- Gere relacionamentos com seus leads

Agora que o seu conteúdo já atraiu pessoas qualificadas e você já captou estes contatos, é hora de começar a estruturar um relacionamento saudável para cultivar possíveis conversões no futuro. Todas as pessoas que você atingir, são classificadas como leads. E você pode trabalhar com ações recorrentes de comunicação somente com estas pessoas.

Por exemplo, se um grupo de pessoas deixou o e-mail em um conteúdo que você criou, você poderá começar a conversar com elas. Mantenha uma constância nas mensagens para que ninguém esqueça de você e, desta forma, aos poucos, você vai apresentando o seu produto.

O que é muito importante de ser evitado, são as mensagens em demasia. Isto causará uma impressão muito ruim nas pessoas, pois elas entenderão aquilo como spam e pedirão para você não mandar mais mensagens. Por isso, haja com naturalidade e, acima de tudo, humanidade.

Não force a barra enviando apenas ofertas e promoções. Lembre-se que as pessoas não querem receber isso. Elas querem receber conteúdo! E aos poucos, você ganhará a confiança e a credibilidade delas.

4- Anúncios pagos no Google e Facebook

Depois dos conteúdos produzidos via texto ou vídeo para atração de um público qualificado, você também poderá usar o marketing digital para imobiliárias de forma que os anúncios em Google ou Facebook ajudem. Por exemplo, se você tiver uma campanha acontecendo e precisa atingir pessoas específicas, a segmentação destas plataformas pode ajudar muito.

Um anúncio no Facebook, por exemplo, pode ser veiculado para um público estritamente segmentado. Você poderá falar com quem você quiser, na cidade que quiser, na idade que quiser, etc. Isto é muito útil para que a qualidade dos espectadores seja grande. Ou seja, quanto mais segmentado, melhor.

Novamente: atingir poucas pessoas, mas pessoas qualificadas, é melhor do que atingir milhares de pessoas desqualificadas (para comprar seu produto).

Marketing digital para imobiliárias

E nos anúncios do Google, você poderá fazer uma segmentação também. Mas aqui, por palavras-chave. Por exemplo, você poderá fazer seus anúncios aparecerem somente para as pessoas que estiverem buscando pelo assunto.

Se você tiver um imóvel para vender em determinada cidade, poderá anunciar somente para pessoas que estão buscando no Google um imóvel para comprar nesta cidade.

Funciona assim: se alguém pesquisar por “imóveis no centro de SP” e você tiver imóveis no centro de SP, poderá comprar esta palavra-chave no Google e fazer com que somente as pessoas certas acessem sua página com seu conteúdo ou com seu produto. Muito interessante, não é mesmo?

5- Presença nas redes sociais

Marketing digital para imobiliárias não é somente na base de anúncios. Você pode (e deve) estar presente nas redes sociais de forma ativa. Mas nunca se posicione como uma empresa, postando produtos, ofertas e promoções. As pessoas não querem ver isso na rede social. Elas querem ver histórias, pessoas e fotos.

Elabore uma persona para sua imobiliária de forma que a presença no Facebook ou Instagram seja baseada em relações humanas. Converse com seu público, poste conteúdo útil e demonstre que por trás daquela rede, há uma pessoa. Pois pessoas somente se conectam com pessoas.

É importante também ter uma regularidade de postagens. Ou seja, você não precisa postar todo dia. Mas é preciso postar sempre. Evite de ficar semanas sem postar e depois postar um monte de coisas ao mesmo tempo. Isto será muito prejudicial para sua rede e para seu público.

Utilize ferramentas adequadas

Tomar todas estas atitudes para ter um marketing digital para imobiliárias eficiente e não ter as ferramentas adequadas, fará com que você perca muito tempo. Por isso, a Ville Imob ajuda a sua imobiliária a construir valor na internet de diversas formas. Seja com um site imobiliário eficiente e projetado exclusivamente para esta finalidade, seja para a integração social com suas redes mais utilizadas.

Sabemos que tempo é o recurso mais importante e fundamental que podemos ter no dia a dia. Sem ele, não fazemos nada. Por isso, quanto mais otimizar algumas funções ou delegar atividades, melhor. Não esqueça de projetar todas as suas ações de uma forma que integre todos os setores e o objetivo principal fique sempre em primeiro plano. Boa sorte!

estrategias digitais para venda de imoveis