A tarefa de gerar leads não é das mais simples. É necessário ter, pelo menos, um site com algumas landing pages e, além disso, é essencial que você tenha algo para “dar” em troca do email captado. No artigo de hoje veremos que se você quer estar gerando leads de alta qualidade frequentemente, então ter um blog imobiliário é uma ótima opção.

Iscas digitais

A primeira etapa para quem quer estar gerando leads é investir na criação de iscas digitais. Não veja este nome como algo negativo, uma isca digital é um arquivo em formato digital, que pode ser um ebook, vídeo, podcast ou algo do tipo. Sendo que o assunto tratado é algo relevante para quem acessa seu site, ou quem você quer captar o email.

Dependendo da situação, esta isca também pode ser algo mais prático. Um ótimo exemplo seria o de um checklist de documentos necessários para comprar um imóvel. Outra possibilidade seria o de uma planilha que ajuda nos cálculos para aquisição de um novo imóvel. Mas uma vez que você tem o material, é preciso entender como o blog entra nesta história.

Se você já tem as suas iscas digitais, que auxiliarão na captação de emails, então o próximo passo é divulgá-las nos seus posts. Mas se atente ao seguinte detalhe: divulgue suas iscas digitais em artigos relacionados às mesmas. Por exemplo, se você fez um checklist de documentos necessários para vender uma casa. Então não adianta muito divulgar este material em um artigo sobre financiamento de imóveis (que é voltado aos compradores).

Se você ainda não tem suas iscas digitais, mas já tem um blog. Então faça o seguinte: aproveite os artigos do seu blog que tiveram mais sucesso e crie ebooks e vídeos sobre estes temas. Para os ebooks você pode aproveitar os próprios artigos. Basta editar um pouco o conteúdo para adaptá-lo ao novo formato.

Banners

Falamos que você precisa divulgar o conteúdo que você criou. Mas a pergunta é: como você vai divulgar este conteúdo no seu blog? Uma das ideias mais práticas é através de banners. Um dos maiores desafios para quem quer trabalhar com banners. Ou com criação de material gráfico, em geral, é o processo de criação, softwares utilizados, entre outros.

Felizmente, hoje em dia criar um banner ou uma imagem, não é algo tão difícil. Você pode utilizar um software no seu computador, como o Adobe Illustrator ou CorelDRAW. Mas não se desespere, além de serem softwares bem simples e intuitivos, você só precisará utilizar os recursos mais básicos destes softwares.

Para encontrar modelos e ideias, utilize sites como o Freepik. E, se quiser fazer tudo online, você pode utilizar o Pixlr. Que permite a criação de imagens e banners gratuitamente. Mas o software não é tão completo quanto as opções offline citadas.

De qualquer forma, você só precisa criar alguns banners de tamanhos padronizados. Alguns podem ser horizontais, que aparecerão ao longo do texto, ou no fim do mesmo. Outros podem ser mais verticais, e estes podem ficar nas laterais da página.

Janelas Pop-ups

Implementar esta tática no seu blog é algo que deve ser feito com o máximo de cuidado. Afinal de contas imagine que péssimo que seria para o tempo de carregamento de uma página se ela gerar uma janela pop-up no momento que o usuário entra em cada artigo.

Ou ainda, imagina o quão disruptivo não seria receber uma janela pop-up no momento em que você está lendo um artigo.

Logo o ideal é escolher bem o momento de exibir estes pop-ups. Além disso é essencial que este elemento seja totalmente relacionado ao assunto do artigo. Mas uma vez que estes cuidados são tomados, o pop-up é uma das melhores maneiras de gerar leads.

Veja a seguinte situação: você cria um artigo sobre a compra de apartamentos na planta. E, uma vez que a pessoa está para sair da página, o que podemos assumir que ocorre quando a pessoa finaliza de ler o artigo. Então um pop-up aparece oferecendo um ebook sobre o passo-a-passo da compra de imóveis.

Veja que são temas similares e a leitura do artigo não torna o download do ebook desnecessário. Pelo contrário, após a leitura do artigo é possível que a pessoa esteja ainda mais interessada em saber como será o processo de compra do seu novo imóvel.

Portanto a dica é o seguinte: utilize um pop-up que aparece no momento em que a pessoa leva o ponteiro do mouse para fora da página. Este pop-up é conhecido como “exit-intent”.

Formulários de captura

É pode até parecer básico. Mas é importante reforçar que formulários de captura ainda são essenciais para gerar leads. De uma maneira geral, todas as estratégias anteriores vão levar seu usuário para uma página com um formulário de captura.

Por exemplo, ao clicar em um banner oferecendo um vídeo exclusivo com dicas de financiamento de imóveis. A pessoa não vai direto para o seu vídeo “não listado” do YouTube. Primeiro é necessário capturar as informações da pessoa para que ela se torne seu lead. Isso inclui nome e email, no mínimo.

Para trabalhar com tudo isso você pode tanto criar seus próprios formulários do zero. Através de técnicas de programação avançadas. Ou você pode utilizar um software como o ville Target. Assim todo o processo de geração de leads será simplificado. A nutrição e conversão também serão processos de execução mais rápida caso você opte por trabalhar com um software próprio.

Agora, existem muitos corretores que não tem o próprio site imobiliário necessário para postar os artigos que serão utilizados no blog. Nestes casos, ao invés de investir em um simples blog, você pode investir em um site imobiliário completo. Como o que está incluso no ville Imob.

Assim, além do espaço para postar artigos e notícias, com o foco de capturar leads. Você também poderá divulgar seus imóveis de maneira profissional. Com suporte para fotos, vídeos, métodos de busca avançados e completos. Isso tudo sem contar com versões adaptadas para dispositivos móveis.

Você pode fazer um teste grátis do ville Imob por quinze dias para ver como o software funciona. Não só o site, mas também outros serviços como o CRM, ferramentas de integração e muito mais. Boa sorte e bons negócios.