Trabalhar como corretor de imóveis abre as portas para atuação em diversos ramos do mercado imobiliário. Um corretor pode se especializar na venda de imóveis de luxo, trabalhar somente com alugueis, ser um consultor ou até mesmo investir em imóveis. Tudo depende da maneira que o mesmo pretende atuar. No artigo de hoje, por exemplo, veremos algumas ótimas dicas para investir em imóveis.

Estas dicas serão extremamente úteis para o corretor que já atua como investidor. Mas eles não serão os únicos beneficiados. Corretores que trabalham como consultores também poderão prestar um atendimento mais completo ao captarem esta informação.

Por fim, se você ainda não trabalha com investimentos, ler este artigo poderá te ajudar a definir aspectos básicos essenciais relacionados ao setor e à atividade. Isso poderá ser útil pois, assim você poderá ampliar seu ramo de atuação quando uma oportunidade boa de investimento surgir. Portanto, sem mais delongas, vamos ver as dicas para investir em imóveis.

1. Investimento em lotes e terrenos

O investimento em terrenos é uma das melhores formas de garantir um grande retorno. Tudo depende da disposição que o corretor tem de esperar por algo em torno de 15 a 20 anos. Um dos fatores que tornam terrenos e lotes tão rentáveis é a característica da expansão das cidades brasileiras.

No Brasil estamos passando por um processo de expansão muito similar ao que acontece nas cidades Norte Americanas e distinto do que ocorre em países da Europa. Enquanto americanos preferem construir novos imóveis nos entornos das cidades, onde eles conseguem ficar distantes de toda a agitação. Os habitantes do velho continente preferem ficar mais próximos dos centros urbanos, com fácil acesso à meios de transporte entre outros.

No Brasil temos uma situação mista. Mas, se for para selecionar um modelo predominante, observamos que nós temos a tendência de expandir o território das cidades. E porque estamos estudando tudo isso? Porque isso implica diretamente na rentabilidade dos investimentos em lotes e terrenos.

Veja bem, se você adquire um terreno nos entornos de uma cidade em crescimento. Como, por exemplo, a maioria das capitais, cidades grandes e municípios em desenvolvimento.  Então as chances deste terreno ser um alvo de construtoras ou outras empresas no futuro é altíssimo. Isso acontece porque algumas construtoras podem considerar o local ideal para um novo complexo de prédios e moradias.

Mas, mesmo que prédios e moradias não sejam o alvo, é possível que um shopping center seja construído no local. Supermercados podem ser construídos também. E, caso a cidade acabe se desenvolvendo mais para outros espaços é sempre possível vender o imóvel até mesmo para empresas que buscam fazer galpões de armazenamento ou algum tipo de fábrica.

Investimento em lotes individuais

Acima falamos bastante de terrenos que podem ser adquiridos para grandes empreendimentos. Mas lotes também são ótimos investimentos. É importante ter cautela, isto porque um lote está em um local, em geral, que possui algum tipo de infraestrutura.

A vantagem de um corretor é que ele está por dentro dos valores do mercado e terá muita facilidade em avaliar preços imobiliários. Logo, sabendo os preços praticados no mercado, ao ver um lote com preços abaixo do mercado o corretor pode investir no mesmo e decidir se revende imediatamente, por um preço mais alto. Ou se espera e vende o lote em alguns anos, quando o mesmo poderá estar mais valorizado.

Lembre-se: um lote com alta tendência de valorização está em um bairro sem infraestrutura adequada (sem asfaltamento, energia elétrica, saneamento básico, entre outros). Uma vez que o local recebe estas melhorias o lote pode ter uma valorização imensa.

De qualquer forma, seja comprando lotes ou terrenos, usando o bom senso, as chances de perder dinheiro são muito baixas. Seguindo estas dicas, você certamente terá grandes lucros.

2. Investimento em imóveis usados

Nós já falamos, neste blog, de como algumas pequenas reformas podem fazer milagres na valorização de um imóvel. Existem vários imóveis que possuem problemas visuais absurdos que reduzem significativamente o valor do mesmo.

No entanto, basta algumas pequenas reformas e uns poucos ajustes que o imóvel ficará com cara de novo e preço de novo também. Nossas dicas para investir em imóveis usados são basicamente: avalie muito bem o modelo de negócio para que você consiga, de fato, algum lucro.

Por exemplo, a compra do imóvel pode gerar uma série de despesas adicionais. Assim, se você decide comprar o imóvel, reformar e então revender, existirão diversos custos associados à documentação e ao imposto de renda. O seja, esta operação terá que ter um altíssimo retorno para ser rentável.

Por outro lado, se você decide conversar com o dono, investir na reforma do imóvel, contudo que você fique com parte da valorização, então o negócio pode ser mais interessante. Claro, existem outras formas de negociar. Mas isso, no geral, mostra que o investimento em imóveis usados é uma opção válida e que deve ser considerada.

3. Investimento em imóveis na planta

Quando escrevemos nossas dicas sobre compra de imóveis na planta nós comentamos sobre a alta valorização deste tipo de bem. É comum que imóveis na planta tenham um valor muito abaixo do valor de venda do mesmo, uma vez construído ou nas fases finais de construção.

É totalmente possível comprar um imóvel na planta e revender o mesmo, em 2 anos, pelo dobro do valor pago. Da mesma forma, é possível comprar um imóvel na planta e passar anos na justiça tentando reaver o valor investido. Isso porque a construtora desistiu do projeto e está demorando para devolver o valor investido pelos clientes.

Além disso, existem imóveis que estão em regiões que valorizam pouco, assim, embora a compra do imóvel na planta ainda seja rentável, pode ser que o negócio não seja muito mais rentável que outros investimentos similares.

Mas de qualquer forma, se você busca dicas para investir em imóveis na planta avalie sempre se a construtora que irá trabalhar no empreendimento é confiável. Para saber isso, basta avaliar o histórico da mesma. Como corretor de imóveis, você certamente terá recursos para conseguir esta informação.

Além disso, avalie o local do empreendimento. Locais afastados dos centros, mas com fácil acesso através de vias de trânsito rápido costumam ser ótimos. Isso porque, uma vez que um empreendimento é anunciado, rapidamente vários outros pontos de comércio vão sendo construídos ou especulados. Assim, um local relativamente inóspito, rapidamente recebe supermercados, farmácias, postos de gasolina, entre outros.

E, no final das contas, tudo isso aumenta o valor do imóvel que você adquiriu antes mesmo da construção.

4. Investimento em imóveis para locação

Imóveis para locação são um caso a parte, existem várias opções e é necessário avaliar sempre o mercado e o retorno. Por exemplo, se você compra uma sala comercial em um prédio em construção para alugar na área central da cidade, você terá uma certa rentabilidade.

Mas se você decide por comprar um imóvel residencial, em um bairro mais calmo da cidade, o retorno do investimento será totalmente distinto. E não é só isso, é possível investir em galpões que serão alugados como armazéns. Ou ainda, você pode investir em um imóvel para aluguel de temporada. E por aí vai.

Neste contexto, quando o assunto é dicas para investir em imóveis para locação é importante que você:

  • Antes de comprar o imóvel, avalie qual será a maneira ideal de alugar o mesmo;
  • Faça uma pesquisa de mercado e descubra o custo médio do aluguel naquele segmento. Como corretor de imóveis, esta etapa será bem fácil para você.
  • Faça um estudo e avalie qual será o ROI do negócio. Em outras palavras, avalie quanto tempo será necessário para receber novamente o valor investido.

De acordo com o resultado desta análise é que você poderá determinar se o negócio é rentável ou não. E, mesmo que você determine que o negócio terá um retorno, é importante avaliar qual o tempo necessário para que isso aconteça.

Considere reformas em imóveis adquiridos para aluguel

Voltando na questão das reformas, não é apenas para venda que as atualizações no imóvel são boas. Mesmo se seu objetivo for alugar o imóvel, é possível trabalhar na reforma do mesmo para aumentar o lucro.

Uma sala comercial ampla pode ser dividida em 4 salas menores que, quando locadas permitam que o valor total seja, por exemplo, 50% por cento maior. Só foi necessário realizar alguns pequenos ajustes e a rentabilidade do negócio foi alterada de maneira significativa.

5. Considere construir imóveis e vender os mesmos

Uma das maneiras mais práticas de ganhar dinheiro é através da construção de imóveis para venda. Você sabe, por exemplo, qual o valor médio pago por metro quadrado de um imóvel? O valor médio é de aproximadamente R$ 1.300,00. Agora, com algumas contas básicas, vemos que o custo para construir um imóvel de 100m² é de R$ 130.000,00 mais o valor do lote.

Supondo que você encontre um terreno de R$ 70.000,00 o valor total do imóvel ficará em torno de R$ 200.000,00. Mas, uma vez construído, de acordo com dados do FipeZap, o valor médio do metro quadrado passa a ser acima dos R$ 7.000,00. Ou seja, este mesmo imóvel pode ser vendido por até R$ 700.000,00.

Claro, mesmo que você trabalhe em um patamar muito inferior, vendendo este imóvel por cerca de R$ 400.000,00, o seu lucro será muito significativo. Se você constrói várias unidades, custos com arquitetura e com o engenheiro podem ser reduzidos, isto porque basta manter o padrão das unidades, alterando cores e detalhes estéticos minoritários.

Ou seja, fica claro que investir na construção de imóveis é uma maneira fácil de ter um retorno altíssimo.

6. Busque parcerias com amigos e familiares

Investir no mercado imobiliário pode não ser a coisa mais difícil do ponto de vista técnico. Afinal de contas, como vimos, o corretor já conta com diversas informações essenciais para que trabalha no setor. Ele sabe o valor médio dos imóveis, tendências de valorização, áreas em crescimento e muito mais.

No entanto, do ponto de vista financeiro, fazer uma aquisição de um imóvel para realizar uma venda pode não ser tão simples. Nem todos nós contamos com recursos suficientes para isso. E pedir empréstimos ao banco acarreta em juros que afetarão de maneira significativa a rentabilidade.

Por isso, uma das dicas para investir em imóveis é buscar parcerias. Encontre no seu grupo de amigos e familiares pessoas dispostas a trabalhar com você neste negócio. O apoio financeiro é importante, como já estabelecemos. Mas não ignore outras situações que podem ser interessantes.

Se você conhece um advogado, por exemplo, ele poderá ajudar na parte jurídica. Um engenheiro poderá auxiliar no aspecto técnico das reformas. Até mesmo um pedreiro poderá auxiliar com a mão de obra necessária nestas reformas.

E tudo isso permitirá que o negócio se torne mais e mais rentável.

7. Invista com a cabeça e sonhe com o coração

Nunca compre por impulso um imóvel. Via de regra, ao ver uma oportunidade, sempre passe pelo menos um ou dois dias pensando na oportunidade. Isso é o período mínimo necessário. Em geral é interessante esperar semanas, avaliando a situação e discutindo com os amigos/sócios.

De qualquer forma, estabelecer um tempo mínimo para pensar e avaliar a situação permite que você dê ao seu cérebro a chance de realmente avaliar todas as possibilidades. Sempre se pergunte o porque que tal ação ou aquisição são importantes para o negócio. Avalie qual será o retorno e veja se o negócio será realmente rentável.

E não se esqueça, como investidor é preciso que você consiga ver o que ninguém mais consegue visualizar. Ou seja, sabe aquele lote sujo e mal cuidado, é possível que você capte o mesmo, limpe-o, invista na construção de um imóvel. É possível que em 18 meses você tenha um valor igual à 3 vezes o valor investido. Tudo graças à esta capacidade ímpar de ver o que os outros não visualizam.

E não se esqueça, na hora de anunciar os imóveis para vender ou alugar você pode contar com o ville Imob. A plataforma completa para corretores e imobiliárias terá tudo que você precisa para atuar como um corretor de forma eficiente e eficaz. Assim você poderá dedicar mais tempo à outras atividades paralelas, como as de investimento.

Por hoje é só, esperamos que você tenha entendido e captado estas dicas para investir em imóveis. Por hoje é só, boa sorte e bons negócios.