No artigo de hoje vamos lhe apresentar algumas dicas importantes sobre produtividade para corretor de imóveis, pois sabemos o quanto a procrastinação, muitas vezes, atrapalha a rotina deste tipo de profissional. Especialmente se ele for um corretor autônomo, que deverá organizar-se por si só.

Mas fique tranquilo! A gente entende o que você está passando e estamos aqui para te apontar alternativas que possam te impulsionar para mais longe. Por isso, acompanhe o nosso conteúdo e saiba onde começar a agir para melhorar a sua produtividade.

Vamos lá?

Dicas de produtividade para corretor de imóveis

Abaixo você encontrará 6 dicas para elevar a produtividade para corretor de imóveis. A ideia é que você comece aos poucos, pondo em prática de tempos em tempos, até que estas atitudes se tornem um verdadeiro hábito em sua vida.

Pois é preciso ter cuidado quando vamos mudar algo em nossa rotina, mesmo quando a mudança possa ser vista como positiva. Afinal, não podemos correr o risco de saturar a si mesmo na primeira tentativa, não é? Por isso, viva esta transformação aos poucos. Invista em uma dica hoje, e em outras duas amanhã.

Conforme você for mensurando os resultados, se tornará mais fácil colocar em prática outras atividades positivas. Em contrapartida, se você for “loucamente” atrás de efeitos benéficos, de uma hora para outra, poderá notar um cansaço não somente físico, como psicológico. E isso impactará o seu desenvolvimento e, mais tarde, você poderá voltar a estaca zero.

produtividade para corretor de imóveis

Contudo, o que estamos querendo dizer é que você precisa, antes de qualquer coisa, respeitar o seu tempo. Assim será mais fácil incluir no seu dia a dia as atitudes que apresentaremos a seguir. E de acordo com o crescimento pessoal e profissional que você conquista com isso, mais atitudes benéficas poderão ser incluídas gradativamente.

Visto este importante ponto, vamos então a nossa lista de atitudes importante para elevar a  produtividade para corretores de imóveis!

1- Foco total é o melhor caminho

Temos certeza que, pelo menos uma vez em sua vida, você já deve ter ouvido alguém se “gabar” por ser uma pessoa multitarefa. Ou seja, uma pessoa que se sente capacitada para fazer mais de uma atividade ao mesmo tempo. Nas entrevistas de emprego, entretanto, isso fica bem marcado por muitos indivíduos. Mas, ao invés de perceber isto como um ponto positivo, é preciso se atentar para o verdadeiro significado deste tipo de colocação.

Afinal, a pessoa realmente é multitarefa, ou ela é apenas boa em não focar em nada? Este é um ponto a se pensar! Pois uma coisa é clara: o nosso cérebro não conseguirá desenvolver uma atividade da mesma maneira se ele estiver dividindo a sua atenção. Neste caso, o foco total sempre será o melhor caminho.

Enquanto você pode levar duas horas para executar 3 tarefas, você pode igualmente levar duas horas para fazer uma de cada vez. Ou, em alguns casos, uma hora e meia. E ainda com um grande diferencial: desta forma, o seu desempenho será muito melhor do que quando se faz mais de uma coisa de uma vez.

E isso não é somente a Ville Imob que está dizendo. Mas sim, a própria ciência já constatou isso. Se você pesquisar no Google Acadêmico, artigos sobre foco e concentração, se deparará com imensos estudos de caso e pesquisas que apresentam exatamente isso: o cérebro humano é preparado apenas para desempenhar uma tarefa por vez.

Por isso, antes de querer parecer um “super herói”, talvez a melhor alternativa seja elencar as suas tarefas. E assim, você se fecha para cada uma delas, de tempos em tempos. Sem ter que fazer o seu cérebro mudar a direção da “engrenagem”, toda vez que você alterna entre uma janela e outra do seu computador.

produtividade para corretor de imóveis

2- Trabalhe com metas e objetivos

Como mencionamos acima, o foco total em uma única coisa é uma ótima forma de garantir a produtividade para corretor de imóveis. Na verdade, este tipo de cuidado garante a produtividade para qualquer tipo de profissional, independente da sua área de atuação. Mas, como garantir que você prestará atenção para uma única atividade? Simples, criando metas e objetivos.

Estas metas, no entanto, podem ser tanto semanais, quanto diárias. Vale também criar meta de mês, de ano, de década, se assim achar necessário. Por exemplo, você pode listar todas as tarefas de um dia, na noite anterior. Assim você já visualiza como será o dia seguinte, e já pode ir se preparando para desempenhar da melhor maneira possível.

Desse modo, você poderá agora focar na tarefa 1. Depois, focar na tarefa 2, e assim por diante. Mas, o mais legal disso é que você pode criar metas semanais, dividindo elas em dias. Veja a nossa ideia para compreender o que estamos querendo dizer:

  • Suponha que você tem 50 tarefas para fazer durante uma semana. Dividindo em 5 dias, são 10 tarefas por dia útil.
  • Logo, você poderá acordar de manhã e, a partir disso, focar na tarefa 1, 2, 3, 4 e assim por diante.
  • Mas, uma coisa legal da meta semanal é: na terça feira, você fez as 10 tarefas, mas ainda tem 2 horas livres pela frente. Aqui você pode avançar e adiantar 5 tarefas a mais.
  • Quando chegar na quarta feira, pode seguir a ideia de cumprir 10 metas da mesma forma.
  • Mas, no fim da semana, ou seja na sexta, você precisará fazer apenas 5 tarefas, porque já adiantou ao longo da semana. E assim, bate a meta semanal antes mesmo de ela acabar!

Pouco a pouco você começa a perceber que as metas semanais lhe darão um gás a mais para trabalhar no começo da semana. Pois você sempre terá em mente que, se fizer mais hoje, poderá ter mais tempo livre amanhã. E assim, se sente muito mais motivado para desempenhar algo que antes era feito meio que no piloto automático.

3- Separe o seu trabalho por urgência

Certamente você já deve ter ouvido falar na separação por Grupo. Ou seja, são metas que são traçadas, ao longo dos seus dias, mas que são divididas em grupos, de acordo com a importância de cada uma delas. Assim você consegue visualizar o que precisa ser “eliminado” da sua pauta diária o quanto antes.

Basicamente, a divisão é a seguinte:

  • Grupo 1: urgente e muito importante;
  • Grupo 2: não urgentes, mas muito importantes;
  • Grupo 3: urgente mas não é tão importante;
  • Grupo 4: não urgente e não tão importante.

produtividade para corretor de imóveis

Dividir as suas atividades diárias, de acordo com estes grupos, é um caminho de equilibrar a energia que você põe sobre cada tarefa. O ideal sempre será dar prioridade para os dois primeiros grupos e, sucessivamente, eliminar o que os dois últimos grupos propõem para os dias de trabalho.

Mas, deixa a gente te contar um segredo… Se você parar para pensar, temos certeza de que nos últimos tempos você pode ter perdido muito tempo valioso se atentando para coisas do grupo 4. Sim! A gente age pensando que está eliminando algo urgente e importante, mas, quando se dá conta, acabou tomando o tempo de algo que era completamente imprescindível. E assim, acabou que não concluiu nada que fosse verdadeiramente significativo, e consequentemente se sente pouco produtivo e não tem mais motivação para seguir adiante.

Por isso, estude sempre todas as suas metas e as divida de maneira coerente. Pense nos prazos de entregas e de resultados esperados. Pense em quais atividades estão atreladas aos resultados de agora e imprescindíveis, e aos resultados de depois que não são tão importantes assim.

Logo, você começará a organizar o seu dia de trabalho de uma forma muito mais esquematizada. E, no começo, isso pode até parecer um pouco desgastante e cansativo. Mas acredite, que com o passar do tempo este tipo de organização fica de modo mais automático, e assim você terá uma produtividade para corretor de imóveis realmente efetiva.

4- Delegue funções

O quarto passo para garantir a produtividade para corretor de imóveis é se atentar para a delegação de funções. Você sabe por que ela é tão importante? Já parou para pensar no quanto elas são capazes de desempenhar um forte papel organizacional em sua rotina? Se ainda não parou para refletir sobre isso, agora é o momento!

Delegar funções é algo que toda e qualquer empresa bem sucedida faz. Mas, não somente empresas e corporações imensas. Mas sim, profissionais autônomos e que trabalham sozinhos também têm notado a eficácia de delegar funções para alguém.

Para isso, pedimos que você reflita sobre a sua rotina hoje. Como você tem desenvolvido ela? Como tem estruturado? Quanto rendimento você tem em um dia? É o que você deseja para você? Ou algo ainda parece um pouco truncado?

Afinal, você delega as pequenas funções? E aquelas que, muitas vezes, fazem com que você perca bastante tempo do seu dia, sem que isso seja sinônimo de ter melhores resultados no fim? Pois é!

produtividade para corretor de imóveis

Temos certeza que você poderá elencar pelo menos 5 atividades que conclui todos os dias, e que toma muito tempo seu, e que não precisariam necessariamente serem feitas por você. Será que elas precisam serem feitas por uma pessoa com uma experiência apenas como a sua? Ou apenas com o seu conhecimento? Ou será que se você delegar esta função, talvez você encontre mais tempo para se dedicar a algo que é ainda mais importante?

Pois sim, a delegação de funções está diretamente relacionada com a capacidade de otimizar qualquer tipo de trabalho. Veja o nosso exemplo:

    • Vamos supor que você investe 50 minutos por dia para preencher formulários de portais imobiliários, divulgando os seus imóveis.
    • Neste tempo, você acaba deixando 3 prospectos esperando por uma resposta no WhatsApp. O que pode ser ruim, caso a dúvida da pessoa seja urgente.

Neste exemplo podemos notar o quanto a atitude de delegar a função de preencher os anúncios pode ser interessante. Pois você poderá otimizar o seu tempo, atendendo os seus potenciais clientes de uma maneira mais efetiva e atenciosa. E assim, poderá fechar ainda mais contratos, em um período mais curto.

5- Dê uma pausa de vez em quando

Muita gente acredita que produtividade é sinônimo de trabalhar sem parar, o que é uma inverdade. O nosso cérebro tem um tempo de saturação, que normalmente é estimado em 45 minutos. A partir deste período, ele precisa de uma “refrescada”, para poder voltar com mais gás e motivação. É por isso que as aulas, em escolas ou faculdades, não costumam ultrapassar este período de tempo.

Portanto, procure sempre dar uma pausa no seu expediente. Tome um café, leia um livro, olhe para o céu. Exercite-se e faça meditação. Se preferir, tire um cochilo. Enfim! Utilize pequenos momentos do dia somente para você, sem pensar no próximo contato, na próxima visita… Mas sim, pensando no seu bem estar. Assim você volta para o trabalho renovado e pronto para ser produtivo.

produtividade para corretor de imóveis

6- Utilize softwares que otimizem o seu trabalho

Por fim, uma das melhores maneiras de garantir a produtividade para corretor de imóveis é utilizando a tecnologia e softwares que impactem diretamente na melhoria do uso do tempo.

Você se lembra do nosso exemplo de delegar a função de portais imobiliários? Pois bem, pense sobre este caso novamente. E se te disséssemos que existe um software que faz a integração em diversos portais imobiliários de uma só vez? Parece uma ótima ideia, não é? Assim, você delega a função para alguém que não possui erro humano: um software!

Além disso, os softwares imobiliários também apresentam ferramentas de gestão, de site imobiliário, de blog imobiliário, chat, CRM, enfim! Tudo o que você precisa para organizar o seu dia a dia e ainda impulsionar os resultados da sua empresa.

A Ville Imob, por exemplo, oferece todas estas funcionalidades e muitas outras opções incríveis para melhorar o desempenho da sua imobiliária e de você, enquanto corretor. Dessa forma, você poderá usufruir da modernidade e dos avanços tecnológicos para conquistar um dia a dia muito mais produtivo e repleto de resultados positivos.

Para saber mais, clique aqui. Estamos à disposição para te ajudar a elevar a sua produtividade! Pois para nós é isso que você merece: um dia a dia próspero e repleto de realizações. Conte com a gente!