O Data Popular do último trimestre de 2017 aponta que o poder de compra da mulher aumentou 31% nos últimos cinco anos. Ao passo que, com os homens, esse aumento foi de apenas 23%. Por isso, o corretor de imóveis precisa estar devidamente preparado para vender imóveis para mulheres.

E engana-se que esse novo cenário não se reflete no mercado imobiliário. Para se ter ideia, quase metade dos contratos de financiamento imobiliário são assinados por mulheres. Aqui, é preciso considerar que elas são criteriosas, detalhistas, sensíveis e multitarefas. Portanto, a abordagem deve ser diferente da feita com clientes homens.

Por isso, aproveite algumas dicas importantes que vão fazer a diferença na hora de vender imóveis para mulheres.

Diferença entre vender imóveis para mulheres e para homens

De modo geral, há algumas diferenças no processo de negociação. Enquanto os homens se preocupam mais com a questão de segurança e dinheiro, as mulheres priorizam mais o estado de conservação do imóvel e a praticidade que vão ter no dia a dia.

diferença entre vender imóveis para mulheres e para homens

Para tomarem uma decisão mais assertiva, as mulheres não se incomodam de fazer a visita imobiliária quantas vezes forem necessárias. Aliás, elas procuram ouvir a opinião de muitas pessoas antes de darem um passo adiante.

Não a subestime como consumista

Conhecidas como consumistas, você não pode, em hipótese alguma, se deixar levar por essa fama atribuída às mulheres. O que é fundamental na decisão delas é a questão funcional, como localização, espaço e área de lazer, sobretudo se tiverem filhos. Detalhes que podem variar de pessoa para pessoa.

Por isso, o corretor deve conhecer sua cliente bem, questioná-la e entender o seu estilo de vida. Há mulheres que moram sozinhas, trabalham e aproveitam para se divertir. Enquanto outras são casadas, têm filhos e conhecem o imóvel primeiro, antes de levar o marido e os filhos para visitar o lugar.

Comunique-se de forma adequada

É preciso adequar também sua comunicação ao estilo e comportamento da compradora. Para começo de conversa, toda a mulher, independente de origem e classe social, exige atenção e prestatividade no atendimento. São requisitos importantes para que o corretor consiga identificar seu modo de vida para, lá na frente, oferecer o imóvel certo.

Por exemplo, mulheres da classe C tendem a chegar devidamente informadas e cientes do que querem. Se elas forem arrimo de família também vão gostar que seu esforço e sua luta diária sejam levados em consideração na negociação.

Saiba compreender a percepção feminina

Quando um corretor for procurado por uma cliente, é bom que ele esteja pronto para surpreendê-la. Porque, como já foi dito, ela já deve chegar informada. Nem pense em tentar empurrar qualquer unidade disponível.

vender imóveis para mulheres percepção

Acompanhe sua linha de raciocínio que deve ser panorâmico, a priorize, para passar às particularidades depois. Para ser um bom vendedor, antecipe-se aos desejos dela e supere suas expectativas.

As avaliações delas precisam ser respeitadas

Não dá para desconsiderar essa característica, ela é bem importante. As mulheres conseguem identificar, em pouco tempo, o que querem, o que gostam e o que não gostam no imóvel. Para acompanhar sua velocidade, você precisa adequar bem o seu atendimento.

O senso analítico delas é bem aguçado e vai desafiar você. Isso inclui a necessidade de responder inúmeras dúvidas, apresentar outras opções e voltar algumas vezes a um determinado cômodo. Apesar de todo esse trabalho crítico, elas devem se sentir à vontade com os bons resultados de uma negociação bem feita. Então, deixe-as desfrutarem bem dessa conquista.

Considere a compra de ocasião

Diferente do homem, que tende a se decidir baseado em razões objetivas, a mulher pode acabar optando por um imóvel, inspirada em razões subjetivas. Aqui, entra em cena a psicologia na venda de imóveis. Por isso, é importante o corretor ter sempre alternativas para apresentar.

Afinal de contas, aquele imóvel que parecia não ser a melhor escolha pode acabar encantando ela, de alguma forma. Essa é a chamada “compra de ocasião”, algo comum no olhar feminino.

vender imóveis para mulheres compra de ocasião

Embora a venda de imóveis para as mulheres possa parecer um desafio à parte, é muito importante investir nesse público. O crescente potencial de participação delas na tomada de decisões justifica isso. Aproveite para utilizar estratégias de marketing direcionada às mulheres.

Para tanto, não deixe de inserir fotos evidenciando as facilidades e o estado de conservação dos imóveis que você anuncia em seu site imobiliário. Nos anúncios, não deixe de destacar os serviços nas redondezas, como escolas e comércio.

Seguindo essas dicas, você consegue ter sucesso na hora de vender imóveis para mulheres. Boa sorte!

Posts relacionados