27 3262-0877 - WhatsApp: 27 99748-7465 [email protected]

Você sabe qual é a melhor rede social para imobiliárias? Esta é uma das dúvidas mais básicas e comuns que qualquer profissional ou dono de imobiliária pode ter, a partir do momento que pensa em expandir os negócios na internet.

A verdade é que as redes sociais estão cada vez mais presentes na vida das pessoas e, hoje, é muito mais um estilo de vida do que uma descoberta e uma novidade.

Ou seja, a fase de descobrir a rede e de entender como ela funciona, já passou. E isto nos dá a possibilidade de interagir com pessoas mais maduras dentro das plataformas, de forma que sabem o que estão fazendo lá.

No entanto, só é possível extrair algum valor verdadeiramente grande de uma rede social, se nós a utilizarmos ela da maneira certa. E aqui, entra algo que muitas pessoas esquecem: cada rede social é única e precisa, também, de conteúdos únicos produzidos por lá.

Mas aí talvez você pode estar pensando: isso vai dar muito trabalho. Afinal, produzir individualmente para cada rede social, de fato, dá trabalho.

Por isso, no texto de hoje, você vai entender o que precisa ser pensado antes de subir qualquer imagem ou arte em alguma rede social. Você vai aprender o que está por trás do sucesso de uma presença digital.

Então, continue sua leitura.

Rede social para imobiliárias

Rede social para imobiliárias – Qual a melhor e como aproveitá-la ao máximo para alavancar as vendas da sua imobiliária

Uma boa rede social para imobiliárias é aquela que vende. E esta é a melhor resposta para quem está se perguntando qual é a melhor rede social para utilizar em uma estratégia de marketing digital imobiliário.

Afinal, quem vai extrair valor de uma rede social, é o seu plano de marketing, de maneira que cada rede social (única), esteja lá por algum motivo.

Hoje em dia, estar nas redes sociais não é mais um diferencial. Ou seja, há alguns anos, as empresas entravam nas redes sociais com o único objetivo de seguir uma tendência.

Pensavam o seguinte: se muitas grandes empresas estavam indo para as redes sociais, por que ficar de fora, não é mesmo? Só que isso, hoje, já não faz mais nenhum sentido.

Portanto, não se engane: somente pelo fato de estar nas redes sociais, não significa dizer que você ou sua imobiliária terão sucesso lá.

A rede social do momento ou a tecnologia mais moderna do mercado, não vai fazer a sua imobiliária aumentar as vendas. Seria ótimo se isso acontecesse, mas não é bem por aí.

É preciso entender o que está por trás da engrenagem e, então, escolher a melhor rede por um motivo muito claro: necessidade do objetivo.

Ou seja, abrir uma rede social somente para estampar postagens bonitas ou imagens de datas comemorativas, não vai fazer sentido do ponto de vista de conversão.

A sua imobiliária precisa, sim, estar na linha do tempo das pessoas. Mas já que este trabalho precisa ser feito, que seja feito de uma forma estratégica, pensada, exclusiva e com um direcionamento bastante claro.

Mas como fazer isso na prática? É aí que seu trabalho começa. Ou, o trabalho de uma agência ou profissional que entenda do assunto.

Afinal, fazer um bom plano de marketing para as redes sociais da imobiliária não é tão simples assim. Você deve considerar vários aspectos relacionados ao plano de negócios em si, de forma que a rede social seja uma ferramenta que vai acelerar algum objetivo.

Tudo precisa estar andando em sincronia. Nada pode ter desconexão. Caso contrário, os prospectos ficarão sem entender.

E para te ajudar, no próximo tópico, vamos entender o passo a passo para que você possa criar um bom plano de marketing digital para a sua imobiliária ir para as redes sociais de maneira correta. Ou, caso sua imobiliária já esteja lá, poderá usar o passo a passo para corrigir o rumo. Vamos lá?

Como fazer um plano de marketing para usar as redes sociais de maneira efetiva na imobiliária

Se você quer saber qual é a melhor rede social para imobiliárias, deveria, neste exato momento, mudar o seu foco e tentar entender qual é o melhor objetivo para aquele exato momento da sua empresa.

Ou seja, é fundamental ter um plano de negócios que dite o ritmo da imobiliária, de forma que as cosias não aconteçam na base da aleatoriedade. Nada pode ser aleatório, tudo tem que ter um porquê.

Por mais que isto dê trabalho, saiba que é plenamente possível e alcançável. Você só precisa do passo a passo certo e precisa, também, ter em mente algo importante para qualquer plano: ele precisa ser simples!

Veja que mencionamos a palavra “simples”, e não a palavra “simplório”. Ou seja, pelo fato de ser simples, não significa que é razo.

Pegue lápis e papel e anote estes 6 passos para conseguir extrair o máximo de uma boa rede social para imobiliárias:

  1. Entenda o seu público-alvo e desenhe uma persona (cliente ideal) para guiar sua comunicação;
  2. Tenha um funil de vendas e entenda o que cada rede social representa para este funil – Geralmente será o topo do funil;
  3. Quantidade não é qualidade – Não se deixe enganar pelos números de curtidas, compartilhamentos ou seguidores;
  4. Não produza conteúdo aleatório e estilo paisagem – Produza conteúdo para vender um produto (sempre com este foco);
  5. De tempos em tempos, lace ofertas exclusivas para o seu público nas redes sociais;
  6. Tenha metas de curto, médio e longo prazo – Tenha um objetivo claro do porque sua imobiliária está nas redes sociais;

Se isto gerou mais confusão do que clareza, não se preocupe. Nós vamos entender tudo isso a partir de agora, de forma mais aprofundada, para que você possa começar a tirar tudo do papel o quanto antes. Continue sua leitura.

Rede social para imobiliárias

Entenda o seu público-alvo e desenhe uma persona (cliente ideal) para guiar sua comunicação

O passo número zero para que você crie um bom plano de marketing para usar nas suas redes sociais, é o seguinte: entenda o seu público-alvo e desenhe uma persona.

Sim, isto é fundamental para que você possa prosseguir todas as outras áreas do plano, uma vez que é isto que vai sustentar toda a sua comunicação.

Pense que as redes sociais estão cheias de pessoas. Milhões delas. No entanto, você precisa entender que a sua imobiliária não quer e nem precisa impactar ou chegar em todas estas milhões de pessoas.

O que a sua imobiliária precisa, é chegar somente para o público correto. A nível de exemplo, pense o seguinte raciocínio:

Imagine que para chegar em mil pessoas, você precisa gastar mil reais e o seu produto é uma casa de luxo. O que é mais viável, aparecer para mil pessoas aleatórias, ou aparecer somente para mil pessoas (ou menos) que tenham o real interesse no seu produto, de forma que possa haver uma venda ali?

Obviamente, a segunda opção é a mais viável. Mas, acredite: ela é a que menos as pessoas colocam em prática, infelizmente.

E isto ocorre por diversos motivos, mas principalmente pelo fato de não entender o público ideal, o comportamento do consumidor e a persona.

Estar nas redes sociais sem ter o conhecimento aprofundado destes tópicos anteriores, é o mesmo que pegar o carro e sair dirigindo aleatoriamente sem direção: você não sabe onde vai chegar e vai parar onde o combustível acabar. O modo aleatório nas redes sociais não pode acontecer, ok?

Leia também: Entenda melhor o que são personas e como isso pode lhe ajudar

Rede social para imobiliárias

Tenha um funil de vendas e entenda o que cada rede social representa para este funil – Geralmente será o topo do funil

Aqui no blog da Ville Imob, temos diversos artigos falando sobre o funil de vendas imobiliário. Ele nada mais é do que uma excelente ferramenta de análise e acompanhamento de prospectos, de forma que você possa saber o que está acontecendo em cada momento da decisão de compra.

O formato de um funil é bastante significativo, uma vez que a proposta é fazer com que as pessoas entrem por cima, e saiam por baixo, que seria uma venda em si.

Só que nem sempre o processo vai ser assim linear e em três ou quatro passos. Muitas vezes, o funil poderá ter camas e mais camadas, pois um prospecto poderá demorar até 2 anos para tomar uma decisão de compra de um imóvel.

Ou seja, um funil de vendas para imobiliária funciona muito bem, mas pode levar tempo e, se você parar no meio do caminho, nunca saberá se deu certo ou não.

Desta forma, temos as redes sociais para usar de maneira inteligente, sempre considerando o funil em si. As pessoas que estão nas redes sociais, geralmente serão topo de funil, pois é onde o contato com a sua marca poderá começar a acontecer.

Ter isto em mente é fundamental para que você entenda a rede social como um meio importantíssimo no processo de vendas, e não apenas como um lugar para despejar conteúdo em massa e de baixo (ou nenhum) valor.

Uma estratégia que você pode colocar em prática hoje em poucos minutos, é:

  1. Faça um vídeo de apresentação da sua imobiliária, de maneira que faça sentido para seu público-alvo.
  2. Depois, faça um anúncio de alcance ou visualização para este vídeo, de forma que impacte muitas pessoas e estas pessoas passem a conhecer sua imobiliária.
  3. Depois disso, segmente estas pessoas que assistiram o vídeo como um público quente e personalizado, de forma que você possa mostrar outros conteúdos mais profundos e, quem sabe, até fazer ofertas de vendas.

Esta é uma estratégia bastante simples de Facebook Ads que você pode implementar em pouco tempo e ter muitos resultados no médio prazo.

Isto nada mais é do que um funil de vendas na prática, onde o público conhece a marca, passa a considerar a compra e, efetivamente, compra.

Rede social para imobiliárias

Quantidade não é qualidade – Não se deixe enganar pelos números de curtidas, compartilhamentos ou seguidores

Este é um passo fundamental da estratégia de rede social para imobiliárias: os números não podem enganar você, a ponto de tirar a sua imobiliária do jogo.

Ou seja, o número de curtidas, comentários ou seguidores, pouco quer dizer sobre a empresa. Estes números são, sim, um indicativo. Mas eles não podem estar nas primeiras páginas de um relatório de eficiência de uma campanha de marketing.

Tenha sempre em mente que o objetivo da sua imobiliária é vender. É claro que este é um processo longo e que demanda bastante esforço.

No entanto, comprar curtidas ou seguidores, a ponto de achar que sua empresa vai vender mais pelo simples fato de ter muitos seguidores, é incoerente. Isto não acontece e pode facilmente desvirtuar a atenção.

Foque no que é importante: um bom plano de marketing, com objetivos claros e focados.

Não produza conteúdo aleatório e estilo paisagem – Produza conteúdo para vender um produto (sempre com este foco)

Produzir conteúdo aleatório nas redes sociais é um dos piores erros que você poderá cometer em uma estratégia digital. Afinal, conteúdo aleatório e sem valor não tem sentido nenhum do ponto de vista de conversão.

Pelo contrário: você gastará recursos para produzir conteúdos que não trarão nenhum tipo de resultado efetivo no longo prazo. Somente estará preenchendo espaço em branco na linha do tempo das pessoas.

Portanto, faça postagens de valor, que ajudem as pessoas em alguma coisa, que tenha algum assunto bem aprofundado e que faça com que alguém queira saber mais sobre sua imobiliária e, efetivamente, compre algum imóvel lá na frente, ok?

Rede social para imobiliárias

Tenha metas de curto, médio e longo prazo – Tenha um objetivo claro do porque sua imobiliária está nas redes sociais

E por fim, não podemos deixar de falar de metas.

Sim, é muito importante que as metas estejam bem definidas do ponto de vista estratégico. Afinal, se você não tiver metas e objetivos, não terá um norte verdadeiro no trabalho, o que tornará as coisas muito mais difíceis e demoradas.

Monte um plano de marketing de curto, médio e longo prazo, como forma de balizar suas decisões e saber o que fazer em seguida, sempre que terminar algum trabalho ou bater alguma meta. Tenha em mente, de forma bem clara, o que sua imobiliária busca nas redes sociais e como vai fazer isso.