Encontrar uma boa casa não é algo fácil de se fazer, além do custo, é também uma questão de tempo para encontrar um lugar de qualidade, segurança e que seja aconchegante.
Uma casa, assim, é o que muitas pessoas procuram como forma de investimento, mas boa parte delas não entendem direito por onde começar, tampouco entendem de documentos, financiamentos e parcelas.

Por conta disso, montar uma imobiliária pode gerar uma boa oportunidade de negócio.

Você anda pensando nisso? Veja algumas ideias de como montar uma imobiliária:

Planejamento e Público-alvo

Primeiramente, você deve planejar em que lugar seria essa imobiliária e qual público ela focará (se será só para uma cidade específica, se será voltada para apartamentos de construtoras, ou para algo mais amplo pelo país).

Caso você queira montar uma imobiliária em mercado mais competitivos, focar em um tipo de imóvel pode ser interessante, assim você atende melhor o público através de uma segmentação, exemplo: imobiliária especializada em imóveis comerciais, imobiliária especializada em galpões para fábricas, e por aí em diante. Se a imobiliária estiver em uma cidade pequena, talvez seja melhor generalizar e trabalhar com imóveis de todos os tipos.

Como anda o seu bolso?

Outra questão importante para pensar é o quanto você tem financeiramente para investir na sua imobiliária, isso também inclui os gastos para o aluguel de um espaço, se você tem condições de abrir uma firma ou não, se o seu o seu comércio terá empregados ou começará de forma familiar.

Quanto a estrutura, se a grana estiver curta, vale a pena investir em móveis mais modestos, em uma estrutura um pouco mais simples, e depois, com o passar do tempo ir investindo em móveis e computadores mais sofisticados.

Então, lápis e caneta na mão para ver se há condições de investir no seu negócio, agora. Se não der agora, invista no seu sonho e procure uma forma de abrir uma conta para investir somente nele.

Quais os documentos necessários?

Os documentos para abrir uma imobiliária são bem específicos. Há a exigência do segundo grau completo, o mínimo de experiências em vendas e estar inscrito no CRECI – Conselho Regional de Corretores de Imóveis – da jurisdição.

Existe outro jeito? Não. Para ser corretor de imóveis em qualquer imobiliária ou abrir a sua própria para trabalhar por conta, você deve ter o CRECI, conforme a LEI Nº6.530, de 12 de maio de 1978, e regulamentada pelo Decreto Nº81.871, de 29 de junho de 1978. É preciso fazer uma escritura que deixe claro aos órgãos públicos e aos clientes que aquele negócio é uma imobiliária.

É preciso, também, estar cadastrado no Conselho Regional de Imobiliárias, e em eventuais pontos de emergências da cidade em que estará a sua imobiliária. Lembrando que existem CRECI-F (de pessoa física) e CRECI-J (de pessoa jurídica).

Divulgando os seus serviços

Hoje, existem inúmeras formas de divulgar uma imobiliária. Você pode começar de forma simples, como panfletagens, e expandir com anúncios para revistas e jornais que sejam próximos ao seu negócio.

Pode ainda, usar uma das maneiras mais rápidas e eficazes para divulgar a imobiliária, sem muito custo: a internet.

Crie um site bem feito, que descreva diretamente os seus imóveis, que traga algo interessante para o seu cliente e invista também em links patrocinados eles costumam gerar um retorno rápido e ajudam na captação de novos clientes, quando usados da maneira certa.

Procure Inovar

Você pode inovar o seu negócio propondo pequenas palestras para pessoas do mercado imobiliário, que contenham experiências motivadoras sobre a profissão, sobre como montar uma imobiliária ou como anda o mercado imobiliário no Brasil.

Procure oferecer brindes como chaveiros com sua logomarca ou algum outro diferencial como estratégicas de Brading (efidenciando sua marca no mercado).

Softwares, CRM e Site

Hoje em dia, todo tipo de negócio merece uma boa solução em tecnologia. Essa solução pode ser apenas para cadastrar seus imóveis, ou algo mais completo que possa abranger software, CRM (controle e gestão de clientes), integrações com portais e principalmente a compatibilidade com dispositivos móveis. A empresa villevox, através de sua solução ERP ville Imob possui uma ferramenta que atende tanto o corretor autônomo, como você que deseja abrir uma imobiliária.

Gostou das dicas? Espero que elas tenham dado um caminho para você e o seu negócio. Continue acompanhando as matérias do blog ville Imob.

Posts relacionados

Compartilhe: