27 3262-0877 - WhatsApp: 27 99748-7465 [email protected]

contabilidade imobiliária apresenta particularidades especiais que devem ser levadas em conta na hora de cuidar das finanças e da administração da sua empresa.

Afinal, como lidamos diariamente com venda, locação e compra de imóveis, as transações financeiras devem ser acompanhadas de perto, com o intuito de garantir a organização e, obviamente, a legalidade do seu negócio.

Por isso, unimos informações valiosas neste conteúdo que podem te ajudar a compreender quais são as principais normas e questões que devem ser levadas em conta na hora de cuidar da contabilidade da sua imobiliária.

Além disso, fizemos alguns apontamentos importantes sobre o tema, para que possamos, juntos, construir um conhecimento sobre as finanças do seu negócio e, consequentemente, te ajudar a crescer ainda mais.

Preparado para adquirir novos conhecimentos? Então acompanhe-nos até o fim e, qualquer dúvida, já deixe o seu comentário, combinado? Vamos lá!

O que é a contabilidade imobiliária?

Mas afinal, o que é a contabilidade imobiliária? Por que a chamamos dessa forma e, não apenas, de “contabilidade”?

Na realidade, a contabilidade, por si só, apresenta muitas ramificações. Basta analisarmos o mercado, de uma maneira geral, e já veremos que os bancos, as empresas têxteis, as lojas, e todos os empreendimentos que existem, precisam trabalhar a sua contabilidade no fim do mês.

Por isso, quando pensamos na administração de uma imobiliária, não é diferente.

É necessário lançar um olhar apurado que esteja atento às necessidades administrativas dos imóveis, a fim de garantir que as transações ocorram de maneira consistente e dentro dos requisitos estabelecidos pelas normas.

Sendo assim, podemos dizer que a contabilidade imobiliária está associada à evolução e situação do patrimônio da sua empresa, ou seja, da sua imobiliária ou do seu negócio enquanto corretor de imóveis autônomo.

Contudo, a contabilidade aplicada no mercado imobiliário apresenta algumas especificidades da área, que destacaremos no decorrer do texto.

Por ora, é importante que você entenda que a contabilidade imobiliária abrange diversos pontos, veja alguns deles:

  • O registro contábil de todas as receitas e despesas do empreendimento;
  • Custos e receitas associados e registrados simultaneamente;
  • Valores referentes às taxas de administração do aluguel de imóveis;
  • Receitas geradas pela compra e venda de imóveis;
  • Crescimento, evolução e situação patrimonial da sua empresa como um todo;
  • Entre outros pontos igualmente relevantes.

Os aspectos legais da contabilidade imobiliária são ancoradas na Lei e, por isso, é fundamental que o corretor ou a imobiliária esteja atento às questões legais. Por exemplo, no que diz respeito à lei prevista na área de incorporação imobiliária, podemos acessar mais detalhes na lei de número 4591/64.

contabilidade imobiliária

A contabilidade imobiliária faz parte da gestão do seu negócio, sendo mais uma área que necessita de muita atenção e foco.

Por isso que reiteramos o quanto um software de gestão imobiliária pode te auxiliar no seu dia a dia, viabilizando a otimização de serviços, a organização de dados e o acompanhamento dos seus clientes. Tudo isso sempre incorporando uma forma prática de atender às necessidades do seu negócio.

Aqui no ville Imob, por exemplo, você pode encontrar ferramentas que te auxiliem nesses fatores. Dessa maneira, é possível automatizar serviços em sua imobiliária, enquanto a sua atenção é voltada à questões igualmente importantes, como no caso da sua contabilidade.

Parece muito conhecimento? Fique tranquilo! Nossa intenção é sanar as suas principais dúvidas ao longo desse conteúdo. Continue nos acompanhando.

Quais são as principais normas consideradas pela contabilidade imobiliária?

Para que você possa ter uma visão mais aprofundada, e assim, possa ficar a par das questões relacionadas à contabilidade imobiliária, unimos as principais normas atuais e vigentes no momento em forma de lista, com o intuito de abranger, mesmo que de maneira sucinta, fatores importantes sobre a administração do seu negócio.

Mas, antes de visualizar quais são as normas particulares do mercado imobiliário, vale um adendo:

As normas da contabilidade imobiliária podem se alterar, à medida que as necessidades deste segmento se alterem. Portanto, fique atento! Embora, no dia que construímos este conteúdo, os apontamentos abaixo sejam importantes, eles podem mudar com o tempo.

Dito isso, veja quais são as principais transações contábeis que configuram-se dentro das normas legais:

  • Após a assinatura do título, na compra e venda de um imóvel, a contabilidade dessa venda ou compra, deve acontecer. Isso precisa estar de acordo com à Lei e, vale ressaltar que a contabilidade só acontece a partir do momento em que a assinatura do título é reconhecida, ou seja, é válida.
  • A locação de imóveis também deve estar dentro da contabilidade imobiliária. Isto é, quando a sua imobiliária aluga um imóvel a algum inquilino, as taxas de administração e/ou o próprio aluguel precisam de registro contábil.
  • Todas as receitas da sua imobiliária deverão ser registradas. Isso mantém o controle das finanças e garante que todos os encargos e impostos, envolvidos com os trâmites imobiliários, mantenham-se em dia.
  • Todas as despesas também deverão entrar no registro contábil, e isso deve ocorrer mensalmente.

Além de haver questões legais associadas à contabilidade da sua imobiliária, todas essas ações garantem a saúde do seu negócio.

contabilidade imobiliária

Vale destacar que os apontamentos acima fazem parte das particularidades do mercado imobiliário. Mas, o ideal e, recomendado, é que essa contabilidade seja feita diretamente com escritórios ou profissionais qualificados.

Essa qualificação dará o embasamento sólido e necessário na hora de garantir que nenhum gasto ou receita fique de fora dos registros contábeis, assim como todos os impostos possam ser pagos sempre em dia.

Como funciona a contabilidade para corretor de imóveis autônomo?

Entendida as principais normas que regem a contabilidade imobiliária de forma geral, outra dúvida sobre o tema pode se sobressair: e quando pensamos no corretor autônomo, como é que todo esse processo irá funcionar?

Bem, aqui é necessário um pouco mais de atenção. Na realidade, embora não seja muito diferente, o corretor autônomo precisa sim estar atento às pequenas singularidades de sua posição no mercado. Profissionais e contadores apontam alguns fragmentos que devem ser seguidos.

Com isso em mente, buscamos exemplificar as principais ações que devem ser tomadas, no passo a passo a seguir. Veja:

1- Formalização e abertura de Pessoa Jurídica

A contabilidade imobiliária para o corretor de imóveis autônomo começa na abertura do negócio, propriamente dito. Ou seja, a partir do momento que o corretor decide trabalhar como tal, é necessária a formalização do seu novo empreendimento.

Com essa regularização, é possível ter o CNPJ do corretor e, além disso, abrir contas bancárias específicas para a empresa, assim como fazer a emissão das notas fiscais.

banner ville Imob

O regime tributário também deverá ser escolhido nesse momento. Aqui, é possível escolher entre o Simples Nacional (sendo que este é um regime tributário criado para beneficiar micro e pequenas empresas que possuam uma receita bruta anual de até R$ 4,8 milhões) e o Lucro Presumido.

No caso do Lucro Presumido, os tributos pagos pelo profissional são: o Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) e a Contribuição Social sobre Lucro Líquido (CSLL).

Se você tem dúvidas sobre essas questões, sugerimos que você dê uma olhada neste conteúdo: Corretor de imóveis pode abrir MEI?

2- Planejamento tributário

O planejamento tributário também entrará no passo a passo da contabilidade imobiliária de um corretor autônomo. Afinal, como vivemos em um país que conta com diversos impostos, precisamos estar a par daqueles que fazem parte das nossas obrigações, certo?

Além disso, existem alguns meios legais de reduzir os custos gerados pelos impostos e, para que isso aconteça, é preciso amparar as suas decisões na Lei.

Uma forma de fazer um bom planejamento tributário é contanto com o auxílio de um contador qualificado e que esteja atento às demandas do mercado imobiliário.

3- Pagamento de impostos

Depois que o planejamento tributário é feito, é possível fazer o pagamento dos impostos que dizem respeito ao seu negócio. Novamente, reiteramos a importância de se atentar sobre as regras vigentes no momento que você vai pagar os seus impostos, a fim de evitar problemas futuros com a Receita Federal.

contabilidade imobiliária

4- Gestão financeira

Além de cuidar de toda a parte legal, que envolve impostos e a abertura do seu negócio, a contabilidade imobiliária do corretor autônomo também está associada à gestão financeira do seu negócio, como um todo.

São diversas as obrigações e deveres de uma imobiliária ou de um corretor. E isso nós sabemos.

Mas, para facilitar o dia a dia, contar com a ajuda da tecnologia é fundamental. Por isso, o ville Imob pode ser uma alternativa para tornar trâmites mais automáticos na sua rotina de negócios imobiliários e de questões financeiras.

Assim você poderá gerir a sua imobiliária de maneira mais automatizada e prática, como por exemplo, através do nosso software de gestão imobiliária, no qual você pode fazer o seu teste gratuito aqui.

Ademais, lembre-se de que a gestão financeira é a peça-chave para que as ramificações do seu negócio cresçam e gerem bons frutos.

Qual a importância da contabilidade imobiliária?

Até aqui, pudemos discutir, juntos, sobre muitos pontos importantes e fundamentais da contabilidade imobiliária. Mas, qual a real importância?

Com a gestão financeira e a contabilidade imobiliária, você poderá gerir a sua empresa de forma consistente e robusta, diminuindo as chances de gaps e dúvidas tributárias ou problemas futuros com a Receita Federal.

Mas é claro que a contabilidade não está associada apenas à ideia de “apagar incêndios”, ou seja, “lidar com problemas e dificuldades”. Pelo contrário.

Com uma gestão financeira sólida e eficiente, você é capaz de plantar um futuro muito mais promissor para o seu negócio. E isso vale tanto para imobiliárias, quanto para corretores autônomos.

Com a contabilidade você será capaz de:

  • Fortificar a gestão do seu negócio de forma ampla, abrangendo diversas áreas.
  • Criará relatórios estruturados sobre as finanças da sua empresa, lançando um olhar apurado para a solução de problemas e o fortalecimento de pontos fortes.
  • Manterá a saúde administrativa do seu negócio em evidência, além de conquistar uma gestão eficiente e capaz de agir no momento e no lugar certo.
  • Organiza e digitaliza todos os seus documentos importantes, sendo que este passo é fundamental para se tornar uma imobiliária digital, moderna e tecnológica.

A seguir, detalhamos um pouco mais esses fatores. Veja:

1- Melhora a gestão do negócio

Com uma gestão financeira eficiente, é possível sanar possíveis gaps que surgem no decorrer do crescimento da sua empresa.

contabilidade imobiliária

Afinal, uma boa empresa não é aquela que não possui problemas, mas sim, aquela que sabe resolvê-los de forma eficiente e considerando as questões legais vigentes, certo?

Por isso, a contabilidade imobiliária é capaz de situar você dentro do seu negócio, enxergando as oportunidades, o crescimento, as falhas, os pontos fortes, etc.

2- Criação de relatórios estruturados e mantimento da saúde administrativa da imobiliária e promove uma gestão eficiente

Seguindo o ponto acima, a contabilidade imobiliária também se envolve com os relatórios estruturados que você será capaz de gerar sobre a sua atuação no mercado.

Será possível avaliar quais são as receitas mais robustas, quais apresentam uma queda, quais gastos podem ser reequilibrados e quais tributos precisam ser pagos, naquele momento.

Tudo isso mantendo você a par da sua gestão, praticamente em tempo real. Logo, é possível estruturar a saúde administrativa e financeira da sua imobiliária, como um todo.

3- Organização e digitalização dos documentos

A organização e a digitalização dos documentos também é uma peça-chave dentro desse processo, contemplando as reais necessidades de uma imobiliária moderna.

Dessa maneira você poderá acessar informações importantes de uma forma muito mais prática e rápida, evitando a falta de otimização de tempo e considerando todas as necessidades do seu negócio e, nesse caso, também dos seus clientes.

Tenha as respostas à mão de forma mais ágil, através de um software especializado, por exemplo.

contabilidade imobiliária

Softwares especializados podem te ajudar com a contabilidade imobiliária

Até aqui, pudemos construir um longo caminho sobre as informações contábeis do seu negócio imobiliário, não é mesmo?

Mas, para te dar um toque ainda mais especial, gostaríamos de apontar o ville Imob como um software de gestão imobiliária especializado no setor de imóveis, que tem por objetivo auxiliar o seu negócio em todos os trâmites citados no decorrer deste conteúdo.

Hoje, com a tecnologia em constante transformação, apostar nas facilidades da modernidade é dar um passo rumo ao diferencial e ao futuro.

Conheça aqui o ville Imob e saiba mais sobre como você pode otimizar a contabilidade, as finanças e a gestão da sua imobiliária de uma maneira geral.

Qualquer dúvida, estamos à disposição!