De acordo com dados do IBGE, pouco mais da metade da população (52%) brasileira é composta por mulheres. No entanto, essa maioria nunca se refletiu no mercado de trabalho. De uns tempos para cá, o cenário começou a mudar. Já é possível ver muitas mulheres no mercado imobiliário atuando como corretoras e até líderes de associações.

Aliás, a sensibilidade feminina ajuda bastante ao longo do processo de venda. De modo geral, as corretoras sabem o momento certo para fazer a proposta ao cliente. Isso sem falar que, por natureza, as mulheres têm mais facilidade de comunicação. Mas não é só isso. Confira, abaixo, como está o panorama das mulheres no mercado imobiliário.

Avanço das mulheres no mercado imobiliário

Dá para imaginar que, até o ano de 1958, apenas homens poderiam trabalhar como corretores de imóveis? Neste ano, uma decisão do Tribunal de Justiça alterou o artigo 7 do Código Comercial Brasileiro, o que possibilitou a entrada das mulheres no mercado imobiliário.

No entanto, a mudança foi gradativa. Para se ter noção, a presença feminina representava apenas 8% dos corretores de imóveis no Brasil. O grande avanço aconteceu na última década, junto com o boom imobiliário que o país experimentou. Atualmente, de acordo com dados Conselho Federal de Corretores de Imóveis (COFECI), as mulheres representam 33% de todos os profissionais em atividade no Brasil.

Formação superior

Isto você já deve saber. Para ser um corretor, é necessário ter um desses cursos: Técnico de Transações Imobiliárias, Curso Superior de Tecnologia em Negócios Imobiliários ou Curso Superior de Gestão em Negócios Imobiliários.

Essas são apenas formações básicas, mas é imprescindível para começar a trabalhar no mercado imobiliário. Com as mulheres, os pré-requisitos são os mesmos. E falando em formação superior, é possível ver as mulheres se destacando.

Dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) indicam que no último ano do decênio, elas eram responsáveis por 3,4 milhões de matrículas no ensino superior, contra 2,7 milhões de homens.

Características das mulheres no mercado imobiliário: corretoras

A sensibilidade feminina ajuda muito nas vendas. As mulheres se destacam no mercado, uma vez que elas são melhores em resolver conflitos. Somado a isso, suas características multitarefa e comunicativa facilita num ambiente dinâmico, cheio de concorrentes.

Ao negociarem com perfis tão diferentes de clientes, elas identificam rapidamente as características de cada cliente para se adaptarem bem em qualquer situação. Isso faz com que os clientes fiquem mais receptivos, o que agiliza todo o processo de transação imobiliária.

Plataforma ERP ville Imob

Recorrer à tecnologia no mercado imobiliário

Aqui, não podemos deixar de destacar que a tecnologia tem um papel fundamental na vida de corretoras e corretores. Nesse sentido, profissionais não podem abrir mão de uma plataforma imobiliária.

A ferramenta ville Imob, por exemplo, oferece inúmeros recursos para ajudar a impulsionar suas vendas de imóveis. Primeiramente, é possível construir um site imobiliário rapidamente, uma vez que já existem templates prontos para você usar.

Para alcançar mais potenciais clientes, que tal espalhar seus anúncios pelas principais redes sociais e portais imobiliários? Mais uma vez, o ville Imob tem a solução para você: as ferramentas de integração social e de integração de portais.

Características das mulheres no mercado imobiliário: compradoras

Aqui, não podemos esquecer que, à medida que as mulheres conquistam mais espaço no mercado de trabalho, elas também ganham poder de decisão de compra de imóveis na família. Aliás, a pesquisa da imobiliária norte-americana Prudential Real Estate aponta34% das mulheres casadas ficam com a responsabilidade de buscar imóveis.

Diferente dos homens, as mulheres priorizam os detalhes de acabamento e o estado de conservação do imóvel. As características da propriedade, como tamanho, número de quartos e valor, são questões secundária.

As mulheres não se incomodam em conversar com muitas pessoas e fazer inúmeras visitas até encontrar um imóvel que lhe faça sentir bem a vontade. Pensando nas funcionalidades e praticidades da casa, elas não veem salas ou quintais espaçosos como diferenciais positivos.

 

Posts relacionados