Em um mercado tão competitivo como é o imobiliário, o corretor de imóveis encontra dificuldades para cumprir todas as suas tarefas e ainda se destacar entre os demais. Para lidar com a concorrência, o corretor pode buscar qualificação por meio de cursos e livros, além de firmar parceria com outro profissional.

Corretores de imóveis parceiros têm algumas vantagens. Veja só: seu parceiro fala que está conversando com um cliente que é apropriado para o imóvel que você tem. Em outras palavras, enquanto um trabalha na captação de imóveis, o outro entra em contato com os clientes.

Se você nunca trabalhou em parceria com outro profissional, certamente muitas dúvidas acabam surgindo: será que posso confiar nesse corretor? Se ele fizer a venda do meu imóvel, como vai ficar a comissão? Será que é mesmo vantajoso entrar em uma parceria?

Para esclarecer essas e outras dúvidas, seguem, abaixo, vantagens, desafios e dicas importantes para corretores de imóveis parceiros:

A parceria é boa…

Há muitas vantagens em fazer parceria com outros corretores. Juntas, a carteira de imóveis de vocês será maior, o que leva vocês a se tornarem mais competitivos. Com mais quantidade de imóveis e maior área de atuação, as oportunidades de negócios aumentam.

Além disso, a troca de experiências ajuda a torná-los melhores profissionais. E dois corretores também podem dividir melhor os investimentos em marketing, como na construção de um site imobiliário e na integração com as redes sociais.

Porém, é preciso alguns cuidados…

Fechar uma parceria com o primeiro corretor que aparecer pode ser muito arriscado. Para saber com quem você está lhe dando, procure saber quais são suas referências. Conversar com clientes que já foram atendidos pelo seu novo parceiro pode ser um caminho para conhecê-lo melhor.

Provavelmente, ele também tem um perfil nas redes sociais. Então, pesquise, procure conversar com algum colega em comum e saiba de negociações anteriores que ele realizou. Pedir a carteira do CRECI dele também é algo importante, pois a formalização no ramo já transmite seriedade e confiança.

Por fim, corretores de imóveis parceiros não precisam ser melhores amigos, apenas manter uma relação profissional. Lembre-se: amigos, amigos, negócios à parte.

E regras para dividir a comissão

A comissão, sem dúvida, é uma parte bem importante. Para garantir que você não seja passado pra trás, vale a pena especificar como vai ser divida a comissão. Ela pode ser dividida no sistema básico, fifty-fifty (meio a meio) ou 2-2-1, quando a parceria envolve três corretores. Um tem a mercadoria, o outro, o cliente e um terceiro faz o intermédio – em geral, é o que fica com a menor parte.

Se possível, registre isso em um contrato que deve ser assinado antes de a venda ser fechada. Deixe claro quem é o detentor do imóvel e quem é o detentor do cliente. Por questão de segurança, estabeleça, inclusive, uma multa devido ao descumprimento de alguma cláusula.

Plataforma ERP ville Imob

Seja transparente com o cliente

Tanto o futuro comprador quanto o dono do imóvel devem saber que há mais de um corretor envolvido na negociação. Não é uma questão de autorização, mas de respeito. Aliás, esse gesto conta pontos a seu favor. Quanto antes eles souberem, melhor. De preferência, o corretor que fez o primeiro contato deve falar e se colocar à disposição para esclarecer as dúvidas. Assim, o cliente se sentirá mais seguro.

Seja transparente com seu parceiro

Como se trata de uma parceria, é bom que um corretor não deixe todas as responsabilidades nas mãos do outro. Um negócio com transparência deve ter sinceridade e dedicação de todos os envolvidos.

O que significa que ambos os corretores devem manter contato com o cliente. Se os dois tiverem cientes do andamento das negociações, certamente ela acaba ocorrendo da melhor forma possível. E o sucesso da parceria também acaba repercutindo de forma positiva no mercado para os dois envolvidos.

Aqui, como a base de clientes e a carteira de imóveis ficam maiores, é fundamental que os parceiros tenham acesso ao mesmo banco de dados. Reunir todas essas informações, de clientes e de imóveis, em um único CRM imobiliário é a melhor solução para o negócio.

Seguindo essas dicas, os corretores de imóveis parceiros só têm a ganhar.

 

Posts relacionados