Cansado de responder a um chefe? O corretor que tem veias empreendedoras pode montar uma imobiliária e, assim, deixar de ser funcionário e ganhar mais dinheiro. Mas vale ressaltar que o desafio de montar uma imobiliária não é tão simples assim.

Por mais óbvio que possa parecer, um bom corretor que visa empreender precisa ter registro no CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis), planejar seu investimento inicial e ter uma reserva de capital de giro.

Por outro lado, ter conhecimento em aspectos do Direito Imobiliário lhe conferem uma credibilidade extra. Ainda assim, também é preciso seguir outras regras importantes.

Plano de negócio, um pontapé inicial

O primeiro passo começa antes mesmo de sua imobiliária estar aberta. Aqui, estamos falando do plano de negócios. Nele, você inclui qual o caminho que pretende traçar para seu negócio e quais estratégias devem ser adotadas.

Não basta fazer um rascunho simples. Para bolar o seu plano de negócios, é preciso se dedicar, estudar bastante o ambiente do mercado de imóveis, analisar os concorrentes, levantar os pontos fortes e fracos da sua empresa, além de pontos externos (ameaças e oportunidades).

Por fim, não deixe de pensar em todos os cenários possíveis – positivo e negativo. Assim, fica mais fácil projetar o quanto de dinheiro você precisa para abrir e manter sua própria imobiliária financeiros.

Local de atendimento

Inspirado pelo plano de negócio, você parte para as primeiras questões práticas. Pensar no local de atendimento da sua imobiliária é uma delas. Afinal, quando você escolhe seu local de trabalho, precisa pensar, por exemplo, se deseja ser facilmente encontrado com uma imobiliária de ‘porta pra rua’ ou se prefere uma opção mais em conta, como uma  sala em um prédio comercial. Nesse caso, você precisa investir bem mais na divulgação da marca para ser encontrado.

Independentemente da sua escolha, você precisa de um bom lugar para receber seus clientes, conversar à vontade, tomar um café e até acomodar uma equipe. São muitos detalhes. Até a opção de oferecer local para estacionar deve ser levada em conta como um investimento para atender o cliente.

E, claro, o ideal é montar uma imobiliária na região de atuação, o que facilita seu trabalho de captação de imóveis para a sua carteira. Veja seu histórico como corretor de imóveis para descobrir as regiões que você é mais familiarizado. Além de conhecer proprietários, você sabe as características de cada bairro.

Formação e gestão de seu time

E a sua imobiliária deve ter outros corretores, certo? Mas quantos? Escolher não só a quantidade, mas quem deve estar ao seu lado nessa nova empreitada é uma decisão bem importante. Neste caso, é preciso optar por profissionais dispostos a encarar um novo desafio.

Além disso, você precisa se preocupar em mantê-los motivados e com o foco no propósito do sucesso. A gestão de pessoas é uma etapa muito complexa. Quando frágil, ela impacta negativamente no comprometimento de uma equipe e, por consequência, no atendimento ao cliente.

Para facilitar essa etapa, vale muito a pena contar com um software imobiliário de gestão. A partir dele, você acompanha o desempenho de todos os colaboradores, desde a captação de imóveis até o atendimento ao cliente e a venda. Não é só isso. A ferramenta ainda permite gerenciar toda parte financeira, como contas a pagar e a receber. Uma verdadeira mão na roda.

Plataforma ERP ville Imob

Organização de funções

Montar uma imobiliária traz um acúmulo de funções inevitável. Na imobiliária é preciso captar imóveis, cadastrá-los no sistema imobiliário, fazer anúncios de vendas, captar clientes, fazer atendimentos presenciais e online, visitar imóveis e – ufa! – cuidar de questões burocráticas.

Por isso, é preciso investir em uma plataforma imobiliária completa. O ville Imob é uma ferramenta tudo em um. Com ele, além de um software de gestão, você tem à disposição um CRM Imobiliário para ajudar a organizar sua base de clientes e acompanhar o andamento das negociações.

Isso sem falar da facilidade em criar o site da sua imobiliária de forma rápida e eficiente e da ferramenta de integração social que ajuda a espalhar seus anúncios de imóveis nas principais redes sociais.

Processos burocráticos para montar uma imobiliária

Como todo processo burocrático, é preciso estar atento a algumas das exigências legais para iniciar o seu negócio. Além do CRECI jurídico, montar uma imobiliária exige registro na secretaria da Receita Federal (CNPJ), na prefeitura (para garantir alvará de funcionamento), enquadramento em entidade sindical patronal (para ficar em dia com possíveis contribuições) e cadastramento junto à Caixa Econômica Federal no sistema “Conectividade Social –INSS/FGTS”.

Nesse sentido, contratar um profissional de contabilidade tem sua importância para essas e outras tarefas. Ele ajuda no devido cumprimento das exigências legais, trabalhistas, previdenciárias e empresariais. Parece muita coisa para se preocupar, mas nada que não possa ser superado por alguém que tenha feito um belo planejamento com antecedência.

São apenas alguns cuidados e dicas importantes para você montar uma imobiliária e conseguir sucesso em sua região.

 

Posts relacionados