Um cliente é um ser humano, não um robô. Cada um tem desejos, personalidades e ocupações bem diferentes. Isso significa, na prática, que você, como corretor de imóveis, não pode aplicar a mesma estratégia sempre. Em outras palavras, o que funciona para um pode dar totalmente errado para os outros.

Sabendo disso, o corretor de imóveis precisa analisar e entender o comportamento de cada consumidor no mercado imobiliário, um por um. É claro que é possível separá-los em alguns pequenos grupos, como por exemplo, solteiros, estudantes, família com filhos pequenos, aposentados e por aí vai.

Geralmente, pais de famílias com crianças têm as mesmas preocupações: encontrar um imóvel com uma boa área de lazer e próximo da escola dos filhos e do trabalho. Assim, é possível passar mais tempo juntos em família.

A partir desse entendimento mais profundo no comportamento do seu consumidor, você não perde mais o foco. O resultado é começar a passar as informações certas para as pessoas certas. Nada mau, hein?

Veja, abaixo, dicas para você entender melhor o comportamento do seu consumidor e passar a vender mais:

Aspectos sociais

Como falado anteriormente, alguns aspectos sociais influenciam a decisão de compra de muitos clientes. O que queremos dizer com isso é que a renda mensal, a idade e o arranjo familiar, por exemplo, impactam bastante a forma como o corretor deve tratar o cliente, além de selecionar muito bem os tipos de imóveis para cada público.

Nesse sentido, é importante, antes de começar a apresentar imóveis aos seus clientes, conhecê-los bem. Faça uma pesquisa de renda familiar, pergunte se ele possui filhos pequenos e por aí vai. Tendo recolhido essas informações, você tem mais chances de dar tiro certos, ganhando muito tempo com isso. Por exemplo, não é legal apresentar um imóvel, cuja vizinhança seja repleta de repúblicas universitárias, para um casal de aposentados. Esse público prefere, na maioria das vezes, bairros mais afastados do tumulto.

Imob-v30-728x90-post

Personalidade dos clientes

Conhecer os aspectos sociais já ajuda bastante, claro, mas o corretor de imóveis precisa ir além e desvendar a personalidade dos clientes. Essa etapa só acontece por meio de contatos. Só conversando com o cliente que você vai descobrir se ele é indeciso, reservado ou ansioso. Para cada comportamento, é necessário uma estratégia diferente.

Vamos imaginar que você esteja lidando com um cliente da geração Y. Nesse caso, é importante estar presente em diversos canais digitais, tirar as dúvidas dele rapidamente e falar nada mais do que o necessário. Por outro lado, quando você atender a um cliente com um histórico ruim envolvendo uma transação imobiliária, vale a pena dar mais atenção para ganhar a confiança dele.

Enfim, aos poucos, você vai conhecendo melhor o comportamento do seu consumidor e vai adequando o seu atendimento. Mais do que entender de mercado imobiliário, o corretor precisa saber lidar com pessoas.

Para que você possa aperfeiçoar o seu atendimento cade vez mais, convidamos você a conhecer a plataforma ville Imob, você poderá cadastrar os seus clientes captados depois de sua analise no CRM Imobiliário e utilizar mais recursos disponíveis. Confira!

Boas vendas!

Posts relacionados

Compartilhe: