Vender imóveis comerciais pode ser um bom caminho para o corretor no segundo semestre de 2017. Isso porque os  preços de imóveis comerciais acumulam queda considerável neste ano. Se, por um lado as comissões ficam menores, a missão de encontrar interessados a fecharem negócio torna mais fácil.

Segundo o índice FipeZAP Comercial, do início do ano até agosto, houve uma queda nominal de 2,46% no preço médio dos conjuntos e salas comerciais colocados à venda e 3,04% no valor dos disponíveis para locação. Dentre as cidades monitoradas, Belo Horizonte foi a única com variação positiva.

Motivo da queda

Fruto da crise econômica recente, que trouxe incertezas e paralisou o mercado como um todo, essa queda nos valores de locação e venda das unidades comerciais é um reflexo da  contenção de investimento de parte dos empresários. E a aposta elevada dos investidores do mercado imobiliário ainda está em descompasso com o ritmo de evolução da economia do país.

Além disso, muitas empresas reduziram o quadro de funcionários e fecharam seus escritórios. A quantidade de prédios de escritórios vazios alcançou níveis recordes em São Paulo e Rio de Janeiro, segundo as principais consultorias e empresas de pesquisa imobiliária corporativa.

Aos poucos, o quadro está revertendo. Com a economia ganhando novo fôlego, o que era insegurança ao corretor de imóveis pode virar oportunidade, graças ao excesso de ofertas com valores acessíveis.

Por isso, vale a pena o corretor investir e recuperar o tempo perdido. Aproveite a oportunidade e conheça aqui algumas dicas para vender imóveis comerciais.

Absorva mais conhecimento para vender imóveis comerciais

Diante da situação do mercado imobiliário, você precisa ter um conhecimento apurado sobre o atual cenário, porque ele se movimenta com base em informações globais. Estar a par dessas tendências deve fazer toda diferença a seu favor.

Essas informações são valiosas para mostrar ao cliente, por exemplo, que determinada região é mais vantajosa ao tipo de negócio dele do que outras.

Ofereça imóveis comerciais para quem precisa

Nós não cansamos de lembrar a importância de reunir todas as informações de seus clientes em um CRM imobiliário. Ao consultá-lo, você consegue visualizar quais são as necessidades deles e, de imediato, oferecer a melhor solução.

Na ferramenta do ville Imob, esse trabalho fica ainda mais fácil e certeiro. Isso porque nosso CRM realiza um cruzamento entre os dados de clientes e de imóveis. Então, se você conhece um cliente que precisa de um imóvel comercial próximo à residência dele, basta dar uma olhada em sua carteira de imóveis.

Ao oferecer um produto compatível aos desejos e necessidades de seu cliente, a chance de fechar negócio aumenta consideravelmente.

Mantenha o foco no negócio do cliente

Posteriormente, ao investir no potencial de negócios com imóveis comerciais, o corretor precisa ter em mente que o relacionamento com esse tipo de público é diferente do que ele costuma ter em uma venda residencial. Enquanto a venda de casas e apartamentos para moradia se baseia no relacionamento com o cliente, no âmbito comercial, o relacionamento tende a ser mais frio.

Na venda do imóvel comercial, é melhor saber que a sua oferta precisa, prioritariamente, atender às necessidades da atividade em que seu cliente está investindo. Ou seja, ter conhecimento sobre o negócio dele também é essencial.

Com base nisso, você deve fazer uma análise da infraestrutura do local para ter certeza de que ela permite o pleno desenvolvimento da atividade que deve ser realizada ali. Afinal, as necessidades de espaço para um profissional da saúde que pretende abrir um consultório não é a mesma para quem planeja montar uma lanchonete, não é verdade?

Plataforma ERP ville Imob

Apresente outros benefícios

As preocupações com os arredores do imóvel também mudam quando se fala de imóvel comercial. Voltando ao exemplo da lanchonete, o cliente que pretende investir nesse segmento de mercado precisa se preocupar com a mobilidade de seu funcionários que, em sua maioria, não têm carro.

Logo, a proximidade com uma estação de metrô ou terminal de ônibus é uma vantagem e tanto. Do contrário, o que conta é a oferta de vagas para estacionamento.

Outra informação estratégica e que ajuda bastante na venda é saber se a região do imóvel é propícia para o ramo de atividade do seu cliente. Talvez, seja uma informação que ele já possua. Mesmo assim, ela pode ser mencionada durante a conversa para trazer mais certeza à tomada de decisão.

Aqui, portanto, procure conhecer a legislação municipal a fundo para saber quais atividades determinadas regiões permitem.

Invista em imóveis na planta

A flexibilidade da planta, por fim, pode ajudar o corretor a vender imóveis comerciais. A questão da infraestrutura pode ser analisada, quando se trata de um imóvel na planta, ainda em construção. Nesses casos, o espaço pode ser adaptado durante a negociação de acordo com o interesse do comprador.

Todas as possibilidade devem ser aproveitadas quando o objetivo é oferecer o melhor ao cliente e ampliar a sua oportunidade de ganho. Se a recuperação da economia ainda não é satisfatória, ela deve ser vista como uma chance para superar os contratempos.

 

Posts relacionados