Pesquisa aponta que EUA têm os investimentos imobiliários mais estáveis e seguros

O cenário político-econômico doméstico tem sido a válvula propulsora para muitos brasileiros redirecionarem seus investimentos para fundos imobiliários norte-americanos.

A 24ª pesquisa anual realizada recentemente com os membros da Associação de Investidores Estrangeiros em Imóveis (AFIRE) mostrou que a maioria desses investidores acredita no crescimento da aplicação em imóveis nos EUA em 2016. Cerca de 31% deles dizem que esperam manter ou reinvestir seus investimentos (e nenhum acredita em uma grande diminuição). Os membros da AFIRE estão entre os maiores investidores institucionais imobiliários do mundo e têm cerca de US$ 2 trilhões em ativos imobiliários sob gestão global.

De olho nesse segmento, a Investir USA Expo, maior evento da América Latina de investimentos imobiliários nos Estados Unidos, que está na sua 11ª edição, promove o encontro de investidores brasileiros com mais de 20 expositores (construtoras, imobiliárias, escritórios de advocacia e imigração, além de órgãos oficiais do governo americano). Tributação, recolocação, inclusão educacional e empreendedorismo, para os que pensam também em ter negócios por lá, estão na pauta das palestras programadas.

A pesquisa da AFIRE mostrou também que 60% dos entrevistados disseram que os EUA foram o país que proveu os investimentos imobiliários mais estáveis e seguros. Em comparação, a Alemanha, que ficou em segundo lugar, teve apenas 19% dos votos. Com 46% dos votos, os EUA também foram citados como o país que fornece a melhor oportunidade para valorização do capital, seguindo pelo Brasil, com 17%, conforme mostra o ranking abaixo:

País mais estável e seguro para Investimento Imobiliário:

1. USA (no 1 em 2015)
2. Alemanha (no 2 em 2015)
3. Reino Unido (no 3 em 2015)
4. Canadá (no 4 em 2015)
5. Austrália (fora do ranking em 2015)

País que fornece a melhor oportunidade para apreciação de capital:

1. USA (no 1 em 2015)
2. Brasil (no 5 em 2015)
3. Espanha (no 2 em 2015)
4. Irlanda (fora do ranking em 2015)
5. Reino Unido (no 3 em 2015)

imob-v30-728x90-post

Novo negócio – Uma nova modalidade, ainda pouco explorada pelo investidor brasileiro, é o imóvel para rendimento, que pode apresentar uma taxa de rentabilidade perto dos 10%, em dólar. “No mercado americano já é possível encontrar imóveis que já são vendidos aos investidores com aluguéis já firmados, ou seja, o investidor compra o empreendimento já com o inquilino”, conta Daniel Rosenthal, organizador da Investir USA Expo.

As taxas de financiamento de imóveis nos Estados Unidos são atrativas, quando comparadas às do Brasil. Com entrada de 30% do valor total do empreendimento, os juros variam entre 4 e 6%, com um prazo de 30 anos para financiar.

As inscrições para participar do Investir USA Expo são gratuitas e já podem ser realizadas pelo site http://www.investirusaexpo.com/en/registration/. As vagas são limitadas.

O evento tem o patrocínio do Centro de Convenções Frei Caneca e o apoio dos portais Properati, Publicidade Imobiliária, SP Imóvel USA e Ville Imob. Também da revista Isto é Dinheiro e Inmobiliare Latan, Diego Ramos Fotografia Imobiliária, Blue Lemon e Vista Soft.

Programe-se!

Investir USA Expo – Edição São Paulo

Data: 08 e 09 de abril de 2016
Local: Centro de Convenções Frei Caneca – São Paulo
Endereço: Rua Frei Caneca, 569 Consolação – São Paulo SP
Horário: Das 10 às 20 horas
Inscrições: Gratuitas
Informações: http://www.investirusaexpo.com
Importante: As vagas são limitadas!

Sobre o Investir USA Expo

É o principal evento no Brasil de investimento no mercado imobiliário dos Estados Unidos, que concentra diversas ofertas e informações para a compra e investimento de imóveis nos Estados Unidos para investidores e compradores finais, além de proporcionar parcerias com os corretores de imóveis brasileiros para que os mesmos indiquem seus clientes e façam a intermediação do negócio com as empresas americanas.

Contatos:

Facebook: www.facebook.com/InvestirUSAexpo
Site: www.investirusaexpo.com.br

Post Patrocinado
Release enviado por Investir Usa Expo

Posts relacionados

Compartilhe: